Renata Felinto

(ultima atualização em novembro/2021)

São Paulo, SP, 1978.
Vive e trabalha em Crato, CE.

Vencedora do Prêmio PIPA 2020.
Indicada ao Prêmio PIPA 2020.
Finalista do Prêmio PIPA 2020.
Membro do Comitê de Indicação PIPA 2021.

Mulher afro-diaspórica e mãe de Benedita Nzinga e de Francisco Madiba ∙ Artista visual, pesquisadora e professora ∙ Doutora e Mestre em Artes Visuais pelo Instituto de Artes da UNESP e especialista em Curadoria e Educação em Museus de Arte pelo Museu de Arte Contemporânea da USP. Artista visual e professora adjunta da URCA/CE, na qual compôs o Comitê de Pesquisa Científica, a coordenação do Curso de Licenciatura em Artes Visuais e do subprojeto PIBID. É líder d o Grupo de Pesquisa NZINGA – Novos Ziriguiduns (Inter)Nacionais Gerados na Arte que em 2021 participou do Projeto Territorial Re-connecxiones sob curadoria de Catarina Duncan e subsídios do MoMA. É docente no Programa de Pós-Graduação Mestrado Profissional em Artes da URCA/CE e no Curso de Especialização em Gestão Cultural.

Vídeo produzido pela Do Rio Filmes, exclusivamente para o Prêmio PIPA 2020:


Posts relacionados



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA