Rafa Bqueer

(ultima atualização em maio/2024)

Belém, PA, 1992
Vive e trabalha no Rio de Janeiro, RJ

Participante do Prêmio PIPA 2024

Rafa Bqueer tem formação pelo curso de Artes Visuais da Universidade Federal do Pará (UFPA).  Estudou na Escola de Artes Visuais do Parque Lage. É multiartista, com vivências como destaque de escolas de samba da cidade do Rio de Janeiro. É uma das artistas pioneiras da cena Drag-Themônia de Belém do Pará.  Por meio da performance, fotografia, cinema e arte têxtil produz imagens, ações individuais e coletivas abordando conceitos sobre gênero, racialidade, ativismo LGBTQIA+ e releituras da história da arte na Amazônia. Seus trabalhos falam de forma crítica e debochada da existência de sua corpa preta e trans nas instituições e em festas populares do Brasil.

Participou de exposições e premiações nacionais e internacionais em instituições como Anya and Andrew Shiva Gallery, Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (MASP), Inhotim, Museu de Arte do Rio, Prêmio EDP nas Artes – Instituto Tomie Ohtake (2018), Prêmio Foco Art Rio (2019), 30º edição do Programa de Exposições do Centro Cultural São Paulo (CCSP) e 1º edição da Bienal da Amazônias (2023). Nos últimos anos, participou das residências artísticas: YBYTU – São Paulo (2022), Casa Comum – Manaus/AM (2021), Residência Artística Vila Sul – Instituto Goethe, Salvador/BA (2020), Residência Artística Prêmio Foco Art Rio (2020), Bolsa de residência – EAV Parque Lage + AnnexB – Nova York/EUA (2019). Seus trabalhos fazem parte dos acervos do Museu de Arte do Rio, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Museu Nacional de Belas Artes, Instituto Moreira Salles, Pinacoteca do Estado de São Paulo e Museu do Estado do Pará.

Vídeo produzido pela Do Rio Filmes exclusivamente para o Prêmio PIPA 2024:


Posts relacionados



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA