Mariana Maia durante o vídeo performance (Foto: Divulgação)

“Uma Casa Toda Sua” celebra poéticas e discursos femininos

(Rio de Janeiro, RJ)

A Casa Museu Eva Klabin, na Lagoa, no Rio, apresenta a coletiva “Uma Casa Toda Sua”, exposição que reúne trabalhos de 14 mulheres com discursos e poéticas diferentes. São pinturas, esculturas, vídeos e instalações sobre liberdade feminina, tema explorado em “Um Tema Todo Seu”, de Virginia Woolf, obra literária que inspirou a exposição.

Em “Uma Casa Toda Sua”, a curadora Isabel Portella une Eva Klabin e Virginia Woolf num mesmo pensamento de liberdade e defesa do próprio espaço para criar. Para Woolf, a mulher precisa ter domínio sobre a sua vida e autonomia financeira para escrever suas ideias, já que a privacidade e a quietude de um espaço permitem que criações aconteçam. O livro “Um Teto Todo Seu” é uma coletânea de palestras da escritora ministradas em faculdades de Cambridge, em 1929. Na obra, a autora reflete sobre as condições sociais da mulher e sua produção literária, bem como as dificuldades para que elas tenham uma posição de destaque e possam se expressar livremente, características ainda presentes nos dias de hoje.

Participam da exposição as 14 artistas Bel Barcellos, Carolina Kaastrup, Claudia Hersz, Daniela Mattos, Dora Smék, Julie Brasil, Karola Braga, Lyz Parayzo, Mariana Maia, Marlene Stamm, Panmela Castro, Patrizia D’ Angello, Sani Guerra e Simone Cupello.

Entre as obras apresentadas está “Ofertar as Águas”, de Mariana Maia, em que a artista reflete sua vivência enquanto uma mulher preta. O trabalho é composto de 101 lenços, em que cada um representa um símbolo relacionado a ancestralidade – adinkra (povo Ashanti), símbolos de orixás (povo Iorubá), símbolos de Bastet (Antiguidade Egípcia). No vídeo performance, a artista passa os lenços no corpo como quem toma um ebó (ritual de limpeza espiritual nas religiões de matriz africana).

Frames do vídeo com imagens de Oxum e Bastet (Crédito: Mariana Maia)

“Uma Casa Toda Sua”
Curadoria de Isabel Portella
Em cartaz de 13 de abril a 23 de junho, 2024

Casa Museu Eva Klabin
Av. Epitácio Pessoa, 2480 – Lagoa, Rio de Janeiro
De quarta a domingo , 14h às 18h
Entrada gratuita
Classificação livre



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA