Clarice Gonçalves - Desfechos numa só palavra, óleo sobre tela, 40 x 55 cm, 2014

Clarice Gonçalves abre individual e é destaque do Salão Mestre d’Armas

(Brasília, DF)

Clarice Gonçalves, Gustavo Silvamaral e Marcos Rodrigues foram os vencedores do III Salão Mestre d’Armas — Arte Contemporânea, realizado em Planaltina, DF, em novembro. O prêmio, que tem como objetivo descentralizar o circuito de arte contemporânea no Distrito Federal, realiza uma mostra até o dia 22 de janeiro no Museu Histórico e Artístico de Planaltina. A coletiva reúne outros 15 nomes de artistas selecionados além dos premiados: Álvaro de Santana, Bárbara Paz, Biophillick, Cecília Lima, Isabela Couto, Jeff do Prado, Coletivo Lote 1, Rafael da Escóssia, Raquel Nava, Sofia Ramos, Zuleika de Sousa e William Oliveira Guth.

Entre as obras selecionadas estão pinturas, aquarelas, fotografias, performances, objetos, esculturas, instalações e bordado. Clarice Gonçalves ganhou com a série Especulação Imobiliária e Gustavo Silvamaral, com Tirar as Coisas do Papel. Já Marcos Rodrigues foi premiado pelas obras DesequilíbrioAprumo e Relicário dos Desejos.

Em paralelo à exposição do Salão Mestre D’armas, Clarice Gonçalves está também com uma individual em cartaz na Referência Galeria de Arte. “Repositório de Pulsões”, que recebe curadoria de Paulo Vega Jr. reúne pinturas em acrílica e em óleo sobre tela em formatos diferentes que ou nunca saíram do ateliê ou que foram pouco exibidas.

O título da mostra foi emprestado de uma das pinturas da artista de 2020. “Frequentemente me vejo retomando temáticas consideradas tabu, visto que continua sendo necessário e urgente o debate das mesmas: o desamparo da infância, a paternidade ausente, o abuso, a violência obstétrica e o neonatal, trabalho reprodutivo e de cuidado (e a misoginia introjetada em todos esses setores), a sexualidade e a integração na natureza são temas recorrentes em toda a minha obra ao longo de quase 20 anos de carreira”, diz Clarice sobre as obras exibidas.

Clarice Gonçalves – Repositório de Pulsões, óleo sobre tela, 90 x 90 cm, 2020

III Salão Mestre d’Armas — Arte Contemporânea
Em cartaz até o dia 22 de janeiro de 2024 no Museu Histórico e Artístico de Planaltina

Repositório de Pulsões, com Clarice Gonçalves
Visitação até 20/01/2024

Referência Galeria de Arte
202 Norte Bloco B Loja 11, Subsolo, Asa Norte – Brasília-DF
De segunda a sexta, das 10h às 19h; sábado, das 10h às 15h
Entrada | Gratuita
Classificação indicativa | Livre para todos os públicos

 



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA