“Melodia” promove cruzamento entre artes visuais e música

(São Paulo, SP)

“E se um compêndio de obras, cada uma delas distintamente composta, resultado de diferentes processos e técnicas, bem como de abordagens multiangulares, formasse uma melodia?”

É a partir do cruzamento entre artes visuais e música que o curador italiano Domenico de Chirico apresenta “Melodia”, exposição coletiva com abertura no dia 24 de junho, das 14h às 20h, no Fonte, em São Paulo. A mostra conta com obras de Arthur Palhano, Brisa Noronha, Fabio Perino, Marcelo Amorim, Marina Weffort, Nino Cais e Zé Tepedino. Segundo Chirico, estamos falando de uma melodia que ecoa de um duplo ardor. Ardor que advém daquela ânsia singular da criação de cada artista e ardor que imprime uma organicidade sussurrante, trait d’union, ao conjunto das obras expostas.

“Melodia”, com Arthur Palhano, Brisa Noronha, Fabio Perino, Marcelo Amorim, Marina Weffort, Nino Cais e Zé Tepedino
Curadoria de Domenico de Chirico
Abertura: 24/06, sábado, das 14h às 20h
Em cartaz de 
26/06 a 22/07, 2023

Fonte
Rua Mourato Coelho 751, Vila Madalena, São Paulo
visitação sob agendamento pelo e-mail residenciafonte@gmail.com
De quinta a sábado das 14h às 19h
Entrada gratuita

 

 



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA