Ilê Sartuzi tensiona corpo humano e ferramentas de alta tecnologia em ‘Vaudeville’

(Lisboa, Portugal)

“A capa da edição de 24 de abril de 2023 da revista New Yorker mostra duas mãos a desenharemse uma à outra, numa alusão à peça Drawing Hands (1948) de M.C. Escher. Nesta imagem, a principal diferença reside no facto de uma mão ser humana e a outra ser androide. Esta perspicaz representação de JooHee Yoon ilustra a reciprocidade e tensão existentes entre os artistas e as ferramentas de alta tecnologia (estará a mão do robô a desenhar a mão real ou será o contrário?)” – Fernanda Brenner.

Inspirado na pergunta ‘podemos sobreviver à IA?’, Ilê Sartuzi, um dos Artistas Selecionados do PIPA 2021, apresenta ‘Vaudeville’, individual na galeria Pedro Cera, em Lisboa, Portugal, na qual tensiona o corpo humano e ferramentas tecnológicas.

Um dos trabalhos apresentados é uma cadeira que ri. Ele e o artista Gabriel Lemos tinham transformado uma velha cadeira de cinema num objeto bem-humorado, ensinando uma IA a produzir um som que imita o riso humano. Aquela combinação algorítmica de dezenas de risos “ready-made” encontrados online dá vida ao último trabalho a figurar na sua exposição individual.

Outra obra exposta em ‘Vaudeville’ refere-se a The Skeleton Dance, filme de Walt Disney, de 1929. Tal como foi publicitada, a dança de esqueletos é uma novidade do cinema sonoro que permite ao público assistir a uma boa canção acompanhada por imagens em movimento, em tudo semelhante ao que hoje conhecemos como videoclip. A interpretação que Disney fez desta dança macabra medieval inspirou Ilê Sartuzi a criar a sua escultura homónima, impressa em 3D, de um esqueleto dançante. Nesta obra, a banda sonora original sai de um altifalante colocado na estrutura de madeira automatizada, semelhante à de uma marioneta, que sustenta a figura cadavérica. O ritmo intercalado da melodia e do ruído do ranger do motor e das cordas que seguram os ossos do esqueleto espalha uma energia nervosa pelo espaço, criando uma tensão que é periodicamente quebrada por sequências de monólogos absurdos desta obra e das outras peças teatrais móveis na exposição.

Vaudeville, com Ilê Sartuzi
Texto crítico por Fernanda Brenner
Galeria Pedro Cera
Rua do Patrocínio 67 E, 1350–229, Lisboa, Portugal
05 Maio – 15 Junho 2023

Tagged:


O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA