“Da Ruína ao Rebote”: coletiva convida artistas a dialogarem com estas duas noções

(São Paulo, SP)

A Casa Amélia apresenta a coletiva Da Ruína ao Rebote, que toma como ponto de partida o poema de Manoel de Barros para orientar a primeira iteração do programa pi·no, buscando refletir sobre duas constantes que são aspectos presentes na realidade nacional: a inextricável situação de ruína e a necessidade de luta e confronto frente a essa dura realidade, evocada metaforicamente pela noção de rebote (movimento de recuo de um corpo após embater numa superfície dura). A mostra conta com Beto Shwafaty, Fabio Tremonte, Felipe Prando, Leandro Muniz, Lourival Cuquinha, Maura Grimaldi, Georgia Kyriakakis, Mila Jung, Victor Leguy e Traplev.

As obras reunidas nesta primeira iteração surgem então como um convite feito aos artistas para dialogarem com tal premissa. Os trabalhos de arte partem de diversos impulsos para criar situações em que as ideias de abrigo, conforto, acolhimento e receptividade se confrontam com ideias de abandono, falta, vazio e escassez. No encontro dessas situações, no embate entre essas esferas opostas, está uma parte da realidade na qual a vida se constitui… no encontro das obras, nos choques e rebotes entre realidades. Metaforicamente, essa colisão de ideias busca também evocar a situação de um passado recente ainda não superado, e com o qual ainda iremos por algum tempo, rebotear.

pi·no é um dos programas de exposições da Casa Amelia, concebido por Beto Shwafaty e Victor Leguy, no qual são realizadas experimentações entre proposições artísticas e os espaços arquitetônicos da casa, desenvolvendo diálogos específicos entre a esfera pública e privada, entre a rua, a praça e a casa. pi·no busca conectar artistas de regiões, origens e gerações diversas, constituindo um contexto de visibilidade para pesquisas de arte em diversas esferas. Política, memória, educação, meio ambiente e identidade são alguns dos vetores de operação do programa.

“Da Ruína ao Rebote”, coletiva
De junho a julho, 2023

Casa Amélia
Praça Horácio Sabino, 78,  São Paulo, SP
Contato: ameliaacasa@gmail.com



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA