Marcela Bonfim. Foto: Crédito: Paulo Rezende

Salão Nacional de Arte Contemporânea de Goiás reúne diversos artistas

(Goiânia, GO)

A primeira edição do Salão Nacional de Arte Contemporânea de Goiás tem como objetivo reinserir o estado da região Centro-Oeste na cena brasileira, além de evidenciar as carreiras e trabalhos que se desenvolvem “nas terras quentes do Cerrado”. Dos cinco premiados, três são do Centro-Oeste – Lucélia Maciel e Valdson Ramos, ambos de Goiás, e João Angelini, do Distrito Federal. Marcela Bonfim, artista selecionada do PIPA 2021, é de Rondônia e Desali de Minas Gerais. Além deles, duas referências especiais entregues pela Comissão de Premiação também o são – Alice Yura, do Mato Grosso do Sul, e José Lisbran, do Mato Grosso. Com curadoria de Paulo Henrique Silva, a mostra reúne 35 artistas representantes de todas as cinco regiões brasileiras:

Abiniel João Nascimento – PE; Adriano Machado – BA; Alice Yura – MS; Álex Ìgbó – BA; Anna Behatriz Azevedo, GO; André Felipe Cardoso, GO; Benedito Ferreira, GO; Bianca Turner – São Paulo; Biarritzzz – Pernambuco; Camila Soato, GO; Carlos Monaretta, GO; Caroline Ricca Lee – SP; Desali – MG; Evandro Prado – SP; GU da CEI – DF; Gugie Cavalcanti – SC;  Iris Helena – DF; João Angelini – Distrito Federal; Joardo Filho – GO; José Lisbram – MT; Keila Sankofa – AM; Leonardo Lopes – RS; Lucélia Maciel – GO; Mauricio Igor – PA; Marcela Bonfim – RO; Maria Macêdo – CE; Nina Matos – PA; Patricia Gouvêa – RJ; Paul Setúbal – SP; Sallisa Rosa – RJ; Sandro Ka – RS; Talles Lopes – GO; Valdson Ramos, GO; Virgínia Pinho – CE, e Washington Silvera – PR. 

“Esse prêmio de arte nasce de um desejo pessoal, mas também coletivo, de acompanhar as grandes mostras e eventos sudestinos, sob a perspectiva de se sedimentar como registro e como parte da história atual das artes visuais brasileira”, afirma Paulo Henrique. Ele acrescenta: “Um Salão realizado em Goiás, no centro geográfico do país, contribui para a escrita de uma História da Arte mais horizontal, em que periferias e centros são registrados em um mesmo mapa cartográfico”.

Salão Nacional de Arte Contemporânea de Goiás
Até 9 de outubro, 2022
Horário: de terça a sexta, das 9h às 17h, e sábados, domingos e feriados, das 10h às 17h

Museu de Arte Contemporânea de Goiás (MAC Goiás)
Av. Deputado Jamel Cecílio, Qd. Gleba, n°4.490 – Setor Fazenda Gameleira, Goiânia 


O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA