Paul Setúbal: série "compensação por excesso", 2018, bronze, 7 x 8,5 x 39 cm (Imagem retirada do portfolio da exposição da Central Galeria)

Gabriela Mureb e Paul Setúbal participam da coletiva “No presente a vida (é) política”

De 12 de outubro a 21 de novembro, a Central Galeria apresenta a exposição No presente a vida (é) política, com participação de Bruno Baptistelli, Clarice Lima, Dora Smék, Fernanda Gassen, Fernanda Pessoa, Gabriela Mureb, Gustavo Torrezan, Marília Furman, Paul Setúbal e Rafael Pagatini. O grupo confabula pesquisas, estratégias, ensaios, enunciados, registros e formas de ação conscientes no presente.

No texto curatorial de Diego Matos, ele afirma que as possibilidades de ação presentificadas pela produção destes artistas são:

“Vasculhar as evidências materiais do passado, colocando-as em questão; ressignificar símbolos, normas e tradições, dando visibilidade ao corpos e fazeres que estão à margem; desalienar as práticas cotidianas, buscando espaços de ativação coletiva; requalificar a noção de trabalho como vivência emancipatória, batalhando contra a precarização e a hiperconexão controlada; questionar formas de poder opressoras, respondendo aos desejos também do outro; evidenciar sujeito e corpo implicados no cotidiano, contribuindo para uma reestruturação do corpo social e, enfim, tomar de volta o caráter público da arte”.

O curador ainda elucida que, na exposição, a arte é protagonista dos temas emergenciais da vida democrática, além de dispositivo qualificador das implicações do corpo e do indivíduo no tecido social. Reside a ideia de que o trabalho de arte é um agente de mudança que batalha pela desautomação da linguagem e dos afetos, podendo nos ajudar a clarear os impasses do momento e até mesmo imaginar novos entendimentos para o futuro que se avizinha. Entende-se que a arte é um caminho para vincular à vida sua qualidade essencial de política.

Para saber mais sobre No presente a vida (é) política, clique aqui.

Gabriela Mureb: “para levar um choque, toque nas hastes metálicas simultaneamente”, 2016, eletricidade, transformador, latão e ouro, 150 x 29 x 6 cm (Imagem retirada do portfolio da exposição da Central Galeria)

“No presente a vida (é) política”, coletiva com Gabriela Mureb e Paul Setúbal
De 12 de outubro a 21 de novembro

Central Galeria
Bento Freitas, 306, Vila Buarque 01220 000, São Paulo, SP
Segunda a Sexta, 11h – 19h; Sábado, 11h – 17h
+55 11 2645-4480
info@centralgaleria.com



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA