Mostra de Danilo Ribeiro reúne 16 obras

(Niterói, RJ)

O Palácio dos Correios apresenta, a partir do dia 12 de novembro, “Como aprendi a sonhar em bits”, exposição individual do artista Danilo Ribeiro, indicado ao Prêmio PIPA 2012. A mostra tem curadoria de Marlon Silli.

A exposição “Como aprendi a sonhar em bits”, do artista plástico carioca Danilo Ribeiro, reúne uma série de trabalhos inéditos em que a pintura dialoga com a estética dos vídeo games. A abertura da exposição acontece no dia 12 de novembro (sábado) às 14 horas no Palácio dos Correios, localizado na cidade de Niterói, com apoio dos Correios e da Artur Fildago Galeria e curadoria de Marlon Silli.
A exposição “Como aprendi a sonhar em bits” é composta por um conjunto de 16 obras inspiradas no universo dos vídeo games e a influência de jogos famosos, como Castlevania e Resident Evil, pode ser percebida nas pinturas do artista. Entre os trabalhos, encontram-se telas de grande formato, estudos preparatórios e trabalhos dípticos. Danilo Ribeiro levou quatro anos para concluir a produção dos trabalhos.
Danilo Ribeiro trabalha com desenho e pintura e que já participou de diversas exposições coletivas. Recentemente, alguns de seus trabalhos foram incluídos na exposição A Cor do Brasil e na exposição “Há escolas que são gaiolas e há escolas que são asas”, ambas apresentadas no Museu de Arte do Rio (MAR). Em 2012, Danilo Ribeiro foi um dos indicados ao Prêmio PIPA. Atualmente, o artista é representado pela Artur Fidalgo Galeria, no Rio de Janeiro.

Veja algumas obras do artista:

“Como aprendi a sonhar em bits”, individual de Danilo Ribeiro
Curadoria de Marlon Silli
Abertura 12 de novembro, às 14h
Em cartaz até 14 de janeiro, 2017

Palácio Cultural dos Correios
Av. Visconde do Rio Branco, n 481, Centro, Niterói-RJ
T: (21) 2549 6278



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA