Bruno Miguel integra o Projeto Tech-nô com novas esculturas

(Rio de Janeiro, RJ)

O Oi Futuro Flamengo apresenta a partir até outubro a exposição individual “A Cristaleira”, de Bruno Miguel, com curadoria de Alberto Saraiva. A mostra faz parte do Projeto Tech-nô, que transforma a vitrine externa do local em suporte permanente para intervenções artísticas.

convite_bruno_miguel_techno_rl_vr3(8)
 
“A Cristaleira” apresenta uma instalação pictórica tridimensional composta por cerca de 80 peças desenvolvidas especialmente para o projeto, compostas por esculturas de resina de poliéster pigmentada e copos de vidro, taças de cristal, tacinhas de sobremesa, formas de bolo, garrafas e outros objetos domésticos, adquiridos da casa de familiares do artista e de leilões de antiguidades.

“Gosto que o objeto de discussão em meu trabalho carregue memória, não só a trazida por ele, antes de chegar às minhas mãos, mas também a memória do espectador, ao se deparar com algo que, com certeza, faz parte de suas lembranças cotidianas”, diz Bruno Miguel. “Sempre me interessa discutir as possíveis relações entre alta e baixa cultura, entre o sofisticado e o kitsch, entre a pseudo-profundidade de certos discursos conceituais e a falsa superficialidade estética do pop”, explica o artista.

“A Cristaleira”, individual de Bruno Miguel
Abertura: 27 de agosto, às 19h30
Em cartaz até 23 de outubro
Entrada franca

Oi Futuro Flamengo
Rua Dois de Dezembro, 63 – Flamengo
Funcionamento: terça a domingo, das 11h às 20h
T: +55 21 3131-3060



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA