“Animal que no existeix”, mostra individual de Daniel Steegmann Mangrané

(Alsácia, França)

Em “Animal que no existeix”, de Daniel Steegmann Mangrané, apresenta desenhos, colagens, recortes, filmes e instalações. Essa, que é sua primeira mostra individual na França, fica em cartaz até 18 de janeiro de 2015 no Centre Rhénan d’Art Contemporain Alsace (CRAC).

“Animal que no existeix” habita um espaço intangível, abstrato e instável. Daniel Steegmann Mangrané passa pela mostra, um espaço perceptível sem objeto, desenvolvendo nela um processo de troca e operações transformativas. A exposição é feita de relações entre sujeitos (entidades) e trocas de perspectiva que fazem o observador visualizar o potencial de transformação nos fenômenos percebidos, espacializando pontos de vista e sendo um com eles.

A mostra pode usar desenhos, colagens, recortes, filme e intalação, por vezes simultaneamente, e os desenvolver organicamente para atingir o nível ideal de abstração, permitindo migrações entre uma obra e outra. Mangrané sobrepõe diferentes estratos de relações e ramificações. Grades geométricas e no meio delas, o losango. Uma combinação de divisas em formato de V que podem ser multiplicadas ao infinito. Um elemento estruturando motivos abtratos das “pessoas que desenham” amazonas, remetendo ao mito da Anaconda – cobra litrada que supostamente ensinou os indígenas a tecer e desenhar.

“Animal que no existeix” faz as paredes vibrarem, esmagarem e enfim se dissolve no espaço do pensamento. É uma canção ambígua que perdeu um S. É um animal que não existe.

“Animal que no existeix”, mostra individual de Daniel Steegmann Mangrané
Em cartaz até 18 de janeiro de 2015
Visitação: de terça a sexta, das 10h às 18h; fins de semana, das 14h30 às 19h

CRAC Alsace
18 Rue du Chateau
68130 Altkirch
T.: 33(0)3 89 08 82 59
info@cracalace.com



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA