Tagged Odires Mlászho

“Queermuseu” explora a diversidade e a expressão de gênero

(Porto Alegre, RS) Muito se discute, atualmente, identidade, gênero e sexualidade. Esses debates colocaram em foco a ideia de “queer”, palavra usada para designar pessoas que não se encaixam nos padrões de heterossexualidade e binarismo de gênero. Na exposição “Queermuseu – Cartografias da Diferença na Arte Brasileira”, que começa hoje no Santander Cultural, os trabalhos em exposição exploram a diversidade, a diferença e a expressão de gênero na arte e na cultura, abarcando o período histórico de meados do século 20 até os dias de hoje.

Última semana de “Modos de ver o Brasil”, exposição que comemora os 30 anos de atividade do Itaú Cultural

(São Paulo, SP) Obras raras, como dois mapas do século XVII, dividem o espaço expositivo com obras contemporâneas de artistas como Berna Reale, finalista do Prêmio PIPA 2013, Éder Oliveira, finalista do PIPA deste ano e Paulo Nazareth, vencedor do PIPA 2016. Sob a curadoria de Paulo Herkenhoff, “Modos de ver o Brasil: Itaú Cultural 30 anos” está em cartaz na Oca, no Parque Ibirapuera, até este domingo, 13 de agosto, e traz cerca de oitocentas obras de um acervo de 15 mil peças pertencentes ao Banco Itaú.






0

Última semana | “Projeto em Preto e Branco”

(Rio de Janeiro, RJ) Esta é a última semana para conferir “Projeto em Preto e Branco”, reedição da exposição de mesmo nome realizada há quinze anos atrás. Com curadoria de Silvia Cintra, da Silvia Cintra + Box 4, a mostra mantém o tema original – obras em preto, branco, ou preto e branco –, mas muda os participantes, apresentando obras de 15 artistas.






0

Mostra histórica sobre preto e branco ganha nova edição

(Rio de Janeiro, RJ) Há quinze anos atrás, em 2002, Lygia Pape participava de sua última exposição em vida. A mostra em questão, “Projeto em Preto e Branco”, ganha uma nova edição a partir deste sábado, 18 de março, na Silvia Cinta + Box 4. O tema continua o mesmo: obras em preto, branco, ou preto e branco. Os participantes, no entanto, são outros, constituindo uma lista de quinze artistas dos quais cinco já foram indicados ao Prêmio PIPA, incluindo o vencedor de 2012 Marcius Galan.






0

“Coletiva” explora técnicas do desenho em obras de 24 artistas

(São Paulo, SP) Com obras de 24 artistas, a mostra “Coletiva” busca relações e convergências entre trabalhos que se baseiam nas técnicas próprias do desenho. Produzidas entre 2008 e 2016, as obras – um conjunto heterogêneo de pinturas, desenhos e esculturas – assumem suportes tão diversos quanto o veludo e o papelão. Ainda no dia da abertura, são lançados os livros-obra “Ressaca tropical”, do finalista do Prêmio PIPA 2011, Jonathas de Andrade, e “{[()]}”, do indicado à primeira edição do Prêmio PIPA Thiago Honório.






0

arteBA 2016 | Conheça os artistas e galerias participantes

A Feira de arte contemporânea de Buenos Aires, a arteBA, chega à sua 25ª edição e apresenta um programa com 85 galerias de 14 diferentes países. Com a participação de seis galerias brasileiras, o evento conta com obras de André Komatsu, Ivan Grilo, Marcelo Cipis, Marilá Dardot, Nino Cais e Odires Mlászho.






0

PIPA 2016 – Artistas indicados | Veja o 3º boletim

Este é o último boletim de hoje. Amanhã às 10 horas recomeçamos a divulgação dos indicados. Dos 5 artistas cujos nomes são divulgados neste boletim, 2 são homens e 3 são mulheres. Apenas 1 participa do PIPA pela primeira vez este ano. O anúncio dos indicados segue até sexta-feira, sempre com comunicados às 10, 13 e 18 horas. Acompanhe com exclusividade aqui no site.






Últimos dias | “Fronteiras Incertas: Arte e Fotografia no Acervo do MAC USP”

(São Paulo, SP) “Um dos principais desafios do MAC USP é refletir de forma crítica sobre o legado que nos deixaram as várias vertentes da arte das últimas décadas e suas supostas superações. De que maneira? Colocando determinadas obras produzidas há algum tempo em franco confronto com a produção mais atual. Neste sentido, Fronteiras Incertas: Arte e Fotografia no Acervo do MAC USP , com curadoria de Helouise Costa, responde a esse propósito, fazendo aderir à produção mais recente uma espessura histórica, uma espécie de “antes” pouco conhecido pelo meio artístico em geral apenas preocupado com o “agora”.”, Tadeu Chiarelli , diretor do MAC-USP.






Veja galerias e artistas participantes da Est Fair 2014

(Estoril, Portugal) A primeira edição da Feira contará com a presença de mais de 35 galerias provenientes de nove países. Com o foco no desenho, numa acepção expandida, como conceito organizador da área curatorial e proposto também às galerias participantes, a Est Art Fair de 2014 apresenta o desenho como prática ampla que atravessa os diferentes suportes da arte contemporânea e configura práticas artísticas flexíveis.






“Fronteiras Incertas: Arte e Fotografia no Acervo do MAC USP”

(São Paulo, SP) A mostra reúne registros adquiridos pelo museu em diferentes períodos. Ao todo, 120 trabalhos de artistas como Waldemar Cordeiro, Claudia Andujar, Mario Cravo Neto, Marcelo Moscheta e Odires Mlászho delineiam um recorte temporal que abrange de 1970 a 2010. A exposição busca falar sobre as possibilidades de ampliação da fotografia para além do seu aspecto bidimensional.






O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA