Tagged Luiz Camillo Osorio

Chernobyl - documentação fotográfica
0

Conversa com Alice Miceli, por Luiz Camillo Osorio

O curador do Instituto PIPA Luiz Camillo Osorio, conversou com Alice Miceli – vencedora do PIPA 2014 – sobre temas relacionados à imagem e seus efeitos políticos, assim como os limites e deslocamentos daquilo que transformamos em imagem em um mundo saturado pela espetacularização. Leia a entrevista publicada com exclusividade no site do Prêmio.

JA-092191
0

Vânia Mignone apresenta individual composta por obras inéditas

(Rio de Janeiro, RJ) Em “Hoje em dia” a artista apresenta duas séries elaboradas especialmente para a mostra: uma série de trabalhos em papel, e outra de pintura e colagem sobre mdf, em quatro grupos. “São trabalhos que fiz num mesmo período, com uma mesma emoção, por isso eles formam um grupo, mesmo que continuem obras individuais”, considera Vânia.






camden-sentido-1024x480
0

PIPA participa do evento “Camden Sentido” com curadoria em mostra de vídeos online

PIPA estará participando de Camden Sentido, um programa anual de artes organizado pela Borough of Camden, Londres. Para coincidir com os Jogos Para/Olímpicos de 2016 e o São Paulo Arte Bienal, este ano Camden irá destacar todas as coisas do Brasil unindo o espírito do Brasil com o espírito de Camden através dos sons, cheiros, gostos, visões e sentimentos que os conectam. PIPA vai participar do evento com uma mostra de vídeos online com curadoria de Luiz Camillo Osorio, que selecionou 10 vídeos de artistas para serem exibidos online, exclusivamente para o nosso site, ao longo dos meses de junho a outubro. Os artistas foram escolhidos entre os participantes no Prêmio PIPA de 2010 – 2016 e de acordo com o tema “Brasil – um país, muitos mundos”.






Foto de Murdo Macleod para o The Guardian
0

“Meio arte, meio não, meio talvez” – Leia o texto crítico de Luiz Camillo Osorio

Em texto escrito especialmente para o site do Prêmio PIPA, Luiz Camillo Osorio discute o estatuto da arte a partir do coletivo inglês ASSEMBLE, vencedor da última edição do Turner Prize.
“Mais uma vez, abriu-se uma polêmica sobre os vencedores. (…) Algumas perguntas que surgiram no debate e que me parecem relevantes: será que há tão poucos bons artistas em atividade no Reino Unido e tão poucas boas exposições no ano, para haver a necessidade de nomear arquitetos? Se há prêmios específicos de arquitetura, porque dar um prêmio de arte para arquitetos? Afinal, arquitetura é arte? A estas perguntas, acrescentaria mais duas: deveria um prêmio de arte, que em tese ajuda na construção de parâmetros sobre a melhor arte do momento, potencializar a desorientação sobre o que seja arte? O que está em jogo nesta desorientação?”.
Leia o texto na íntegra.






josé bechara jaguares
0

“Intervalo das coisas” de José Bechara | Abertura neste fim de semana

(São Paulo, SP) O artista estabelece uma relação poética entre os ambientes interno e externo no espaço ocupado pela mostra. São apresentadas cinco instalações que têm como principal material o vidro e foram criadas in loco. Sobre essa fase do trabalho do artista, o crítico e curador de arte Luiz Camillo Osorio escreveu recentemente que “os vidros mudam o modo como suas instalações atuam no espaço e produzem uma experiência estética”.






MAM_Ivan Serpa_998_300dpis_45cm_cmyk_77
0

Em cartaz | “Opinião 65″ no MAM-Rio

(Rio de Janeiro, RJ) A exposição Opinião 65 está no inconsciente coletivo da história cultural recente. Tentando recontar este capítulo de nossa história para as gerações mais novas, ao mesmo tempo em que homenageamos os curadores e artistas que fizeram parte daquele momento, o MAM-Rio dá foco aos artistas brasileiros que participaram da exposição.






Copyright © Instituto Investidor Profissional