Tagged Fabio Morais

0

Coletiva reúne 29 artistas para discutir preconceito, violência e justiça

(São Paulo) Começa hoje no Instituto Tomie Ohtake a exposição “OSSO – Exposição-apelo ao amplo direito de defesa de Rafael Braga”. A coletiva reúne trabalhos inéditos ou feitos especialmente para a exposição de 29 artistas que discutem temas como preconceito, violência e racismo. Dos 29 participantes, 13 já foram indicados ao Prêmio PIPA, entre eles o ganhador do Prêmio ano passado Paulo Nazareth e os finalistas de 2010 e 2016 Jonathas de Andrade e Clara Ianni, respectivamente.

0

Fabio Morais investiga conexões entre escrita, imagem e política em “Escritexpográfica”

(São Paulo, SP) Indicado em 2012 e 2013 ao Prêmio PIPA, o paulista Fabio Morais inaugurou nessa semana a sua sexta individual na Galeria Vermelho. Guiada pelo leitmotiv de Morais, a pesquisa sobre a escrita para além do universo da literatura e do texto, “Escritexpográfica” utiliza-se da apropriação, recomposição e recontextualização de imagens e textos para criar um olhar analítico sobre a conjuntura política atual.

Última semana | “…pegaríamos as coisas onde elas crescem, pelo meio…”

(São Paulo, SP) O projeto coletivo, que conta com a participação de Fabio Morais e Thiago Honório, aborda o conceito do meio como uma forma de fugir das definições normativas e limitações que as exigências de um começo e um fim causam na arte. O resultado é um conjunto de obras paralisadas em momentos de transição e acontecimentos, como se precisassem ser continuadas na interpretação dos observadores

Exposição “…pegaríamos as coisas onde elas crescem, pelo meio…” em cartaz

(São Paulo, SP) O projeto de Galciani Neves “…pegaríamos as coisas onde elas crescem, pelo meio…” foi selecionado através de edital proposto por galeria paulista e conta com artistas como Fabio Morais e Thiago Honório. O resultado é um conjunto de obras paralisadas em momentos de transição e acontecimentos, como se precisassem ser continuadas na interpretação dos observadores.

Abertura mostra “… pegaríamos as coisas onde elas crescem, pelo meio…”

(São Paulo, SP) O projeto coletivo aborda o conceito do meio como uma forma de fugir das definições normativas e limitações que as exigências de um começo e um fim causam na arte. O resultado é um conjunto de obras paralisadas em momentos de transição e acontecimentos, como se precisassem ser continuadas na interpretação dos observadores. Fabio Morais e Thiago Honório estão entre os participantes.

“Mind the map”, mostra coletiva com Fabio Morais e Rosana Ricalde

(Moss, Noruega) Como parte das comemorações do 200º aniversário da constituição norueguesa, a exposição exibe mapas da época em que o tratado de paz entre Suécia e Noruega foi assinado, juntamente a obras de arte de nomes como Joyce Kozloff, Vik Muniz e Susan Stockwell que dialogam com o tema, revelando questões de poder e geopolítica de um mundo em constante mudança. “Mind the map” está em cartaz até 21 de setembro.

O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA