Tagged Amanda Melo

0

“Dissonance” repensa narrativas canônicas de vídeo arte dentro do contexto de práticas globais

(Los Angeles, EUA) Este vídeo de 90 minutos apresenta obras que destacam realidades opostas e discordantes por serem vividas em diferentes contextos dentro da América Latina. A tensão resultante do encontro muitas vezes desconfortável de gêneros diferentes, classe e realidades políticas, entre outros, é realizado exclusivamente em uma variedade de vídeos de artistas que vão desde a década de 1970 até hoje.

Últimos dias | “A realidade do sonho”, com Eduardo Frota, Júlio Leite, Lourival Cuquinha, Solon Ribeiro e Yuri Firmeza

(Fortaleza, CE) “Não se trata de identificar se o que está sendo apresentado é ficção ou realidade, mas reconhecer que esse imaginário “pula do sonho” e passa a ser real. Assim como nas novelas do escritor e dramaturgo italiano Luigi Pirandello, publicadas entre 1894 e 1934, refletem e exprimem o contraste entre o que parece e o que deve ser, entre vida e forma ou ainda, o que há de real no sonho que se concretiza no corpo e na alma, como sua personagem da A Realidade do Sonho, que se expôs às provas e aos desafios brotados do seus sonhos, na vida real”, diz a curadora Jacqueline Medeiros.

Mostra coletiva examina obra de Chico da Silva

(Fortaleza, CE) “A realidade do sonho”, com obras de artistas como Yuri Firmeza, Lourival Cuquinha, Solon Ribeiro, Júlio Leite e Eduardo Frota, exploram conexões entre os tempos híbrido, multicultural, universal e local, que atravessam a História da Arte Nordestina para criar outros sentidos – talvez como forma de resistência – de arte e de vida. São 55 obras que oferecem uma forma livre de observar e entendê-las por meio de relações entre si que ampliam e atualizam as questões presentes na obra de Chico da Silva, em vez de uma narrativa cronológica.

“A Realidade do Sonho”, explora questões presentes na obra de Chico da Silva

(Fortaleza, CE) Aliviando o peso realista da vida, os trabalhos dos artistas presentes nesta mostra convertem-se em chave para a apresentação de temas universais, da vida contemporânea e nos lança num jogo de significação metafísica, compondo um poema imagético que modifica a lógica racional do dia- a-dia. “Não se trata de identificar se o que está sendo apresentado é ficção ou realidade, mas reconhecer que esse imaginário ‘pula do sonho’ e passa a ser real.” comenta a curadora Jaqueline Medeiros. A mostra apresenta trabalhos de Eduardo Frota, Júlio Leite, Lourival Cuquinha, Solon Ribeiro e Yuri Frmeza, entre outros.

“33º Panorama da Arte Brasileira” | Último final de semana

(São Paulo, SP) Com o título “P33: Formas únicas da continuidade no espaço”, esta edição da mostra lança um olhar para o próprio museu, sua missão e seu histórico, com obras e projetos de 32 convidados, escolhidos pela curadora Lisette Lagnado e pela curadora-adjunta Ana Maria Maia. Pela primeira vez em 33 edições do Panorama, o grupo selecionado conta com a participação de arquitetos.

Artistas PIPA no MAC – Ceará

Yuri Firmeza, Bruno Vilela, Waléria Américo, Amanda Melo, José Rufino, Thiago Martins de Melo, Rodrigo Braga, Jared Domício participam de exposição coletiva com os artistas Efrain Almeida, Euzébio Zloccowick, Márcio Almeida, Matina de Botas e Marcelo Ghandi.

“Dos percursos e das poesias”

A exposição contará com as obras de Efrain Almeida, Euzébio Zloccowick, Yuri Firmeza, Bruno Vilela, Waléria Américo, Amanda Melo, Márcio Almeida, José Rufino, Virginia de Medeiros, Thiago Martins de Melo, Rodrigo Braga, Matina de Botas, Jared Domício e Marcelo Ghandi.

O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA