Vicente de Mello

São Paulo, SP, 1967.
Vive e trabalha no Rio de Janeiro, RJ.

Representado pela Galeria Eduardo Fernandes.

Indicado ao Prêmio PIPA 2017.

Vicente de Mello formou-se em Comunicação Social pela Universidade Estácio de Sá e especializou-se em História da Arte e Arquitetura no Brasil, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC/RJ. Trabalhou no Departamento de Fotografia do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro – MAM-RJ, de 1989 à 1998. Têm sua pesquisa fotográfica, apresentada desde 1992, com a criação de séries como: Topografia Imaginária (1994 -1997), Os negativos estão em meu poder (1992 – 2016), Moiré (1995), Noite americana (1998 – 2014), Bestiário (1997), Vermelhos telúricos (2001 – 2016), Galáctica (2000 – 2016), Herbária (2009), SLIDETRIP (2001 – 2013), O Cinematógrafo (2009 – 2015), Quantas ASAS tem um Pixel? (2007 – 2105), STROBO ( 2009), Pli selon pli (2010), Orquestra de trombones (2010), Silent City (2012), Lapidus (2013), Opere (2013), Sete dias (2014), Ultramarino(2015), Fugitivo / Pequod (2015), Zoom Cabinet (2106), Notlim Olhetob (2106).


O PIPA respeita a liberdade de expressão, e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site odem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos.
Copyright © Instituto PIPA