Vivian Caccuri

(ultima atualização em junho/2018)

São Paulo, SP, 1986.
Vive e trabalha no Rio de Janeiro, RJ.

Representada pela Galeria Leme e A Gentil Carioca

Indicada ao PIPA 2014, 2016 e 2018.
Finalista do PIPA 2018.

Vivian Caccuri utiliza o som como veículo para cruzar experimentos de percepção em questões relacionadas a condicionamentos históricos e sociais. Por meio de objetos, instalações e performances, seus trabalhos criam situações que desorientam a experiência diária e, por consequência, interrompem significados e narrativas aparentemente tão entranhadas como a própria estrutura cognitiva. Vivian já desenvolveu projetos em diversas cidades do Brazil e exterior, icluindo Amazônia, Accra, Detroit, Helsinki, Vienna, Veneza, Kiev, Valparaíso entre outras. Ao longo de sua carreira colaborou com diversos músicos como Arto Lindsay (EUA/BR), Gilberto Gil (BR), Panji Ano (Gana), Fausto Fawcett (BR), Wanlov (Gana) e recentemente lançou seu primeiro projeto musical (Homa).
Seus trabalhos sonoros foram transmitidos por rádios como Resonance FM (Londres), Kunstradio (Viena) e Mirabilis (Rio de Janeiro). Na Universidade de Princeton escreveu o livro “O que Faço é Música” (2012), publicado pela editora 7Letras e premiado Prêmio Funarte de Produção Crítica em Música em 2013.

Site: www.viviancaccuri.net



Posts relacionados


O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA