Daniel Albuquerque

Rio de Janeiro, RJ, 1983.
Vive e trabalha em Rio de Janeiro, RJ.

Indicado ao Prêmio PIPA 2018.

Mestrando em História Social da Cultura, na PUC-Rio, Rio de Janeiro, RJ. Suas exposições individuais mais recentes são: “Oral”, BFA Boatos Fine Arts, São Paulo, SP, em 2017 e “Good Day”, Projeto especial, Galeria Cavalo, Rio de Janeiro, RJ, “To Daddy”, curadoria Marina Coelho, Kunsthalle São Paulo, São Paulo, SP e “Bikini Projects #2”, curadoria Marina Coelho, Kubik Gallery, Porto, Portugal, em 2016. Entre as coletivas destacam-se: “Circularidade vã”, curadoria Guilherme Marcondes e João Paulo Quintella, Espaço Foz, Rio de Janeiro, RJ; “A terceira mão”, curadoria Erika Verzutti, Fortes D’Aloia & Gabriel, São Paulo, SP; “Daniel Albuquerque & Puppies Puppies”, BFA Boatos Fine Arts, Milão, Itália, em 2017 e “Lastro em campo”, curadoria Beatriz Lemos, SESC Consolação, São Paulo, SP; “Permanências & Destruições”, curadoria João Paulo Quintella, Rio de Janeiro, RJ; e “Choro e lágrimas não têm sotaque, curadoria Fernanda Brenner, Camden Arts Council, Swiss Cottage Library, Londres, Inglaterra, em 2017.

Vídeo produzido pela Do Rio Filmes exclusivamente para o Prêmio PIPA 2018:



Posts relacionados


Videos relacionados


O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA