“Sobrecéu”, individual de Maria Laet na Galeria do Lago

(Rio de Janeiro, RJ)

Maria Laet traz a individual “Sobrecéu” para a Galeria do Lago, no Museu da República, com curadoria nas mãos de Isabel Sanson Portella. O título faz referência à estrutura formada pela copa das árvores, e a ideia da exposição é justamente falar sobre a luz do sol que atravessa os pequenos espaços vazios resultantes da trama desses corpos. A mostra fica em exposição de 15 de setembro a 24 de novembro, com ingresso gratuito. 

Como explicado no release, essa trama “é uma espécie de pele da floresta, como uma matriz em movimento constante, que filtra e desenha a luz, o céu que por ela atravessa e alcança o lado dentro, o lado do chão, o outro lado”. São colocadas no chão chapas de alumínio sensíveis a luz, expostas a esses pontos de luz formados pelo “entre copas”, em uma tentativa de gravar sobre a superfície do metal e capturar no tempo esse elemento passageiro e delicado.

O resultado final deste trabalho é um díptico, nome dado a qualquer objeto que tenha duas placas planas ligadas entre si através de uma dobradiça. Ele é composto pela própria chapa de alumínio, que depois de revelada tem sua cor em constante transformação, e pela sua imagem inicial capturada no tempo, que mostra a cor original da chapa e ressalta a transformação ocorrida.

“Sobrecéu”, individual por Maria Laet
De 15 de setembro a 24 de novembro

Galeria do Lago
Museu da República, Rua do Catete, 153, Catete, Rio de Janeiro
Terça a sexta, de 10h às 17h, domingo e feriados, de 11h às 18h
Ingresso gratuito



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA