“Em Profundidade: Campos Minados”, de Alice Miceli, abre no sábado na Villa Aymoré

(Rio de Janeiro, RJ)

“Esta série me parece ser sobre isso – sobre a memória velada da guerra, sobre a obstinação com o território instransponível, sobre o temor de se movimentar que fica como resíduo (concreto e inconsciente) de uma guerra acabada, mas que não termina nunca”. São essas algumas das palavras escritas pelo curador do Instituto PIPA Luiz Camillo Osorio para descrever “Em Profundidade: Campos Minados”, projeto de Alice Miceli, Vencedora do Prêmio PIPA e PIPA Voto Popular 2014. Camillo também assina a curadoria da mostra. 

A série é o desenvolvimento mais recente de um projeto que foi sendo realizado ao longo dos últimos anos. A artista, que também integrou o Comitê de Indicação do Prêmio PIPA nas edições de 2015 e 2017, explora territórios que passaram por conflitos sangrentos e que seguem matando mesmo depois de declarada a paz. Em 2018, o Instituto PIPA comissionou esta última etapa da série em Angola e adquiriu as que restavam para tê-la completa em sua coleção. 

Em entrevista, Camillo diz que as obras-projetos de Alice Miceli, especialmente esta série dos campos minados, desdobram uma questão muito cara ao seu projeto anterior sobre Chernobyl: encontrar visibilidade o que nos ameaça concretamente e não é visível. 

Uma grande inspiração de Alice para o projeto foi a morte do fotógrafo Robert Capa. Enquanto estava trabalhando para a revista Life em 1954, ele pisou em uma mina terrestre e foi morto, ainda segurando sua câmera. A última imagem do seu rolo de filme provocou uma reflexão em Miceli sobre a espacialização do tempo, ou a temporização do espaço, que acontece quando, nessas terras contaminadas por minas, cada centímetro do terreno pode ser o último momento de alguém. “Se você morrer, você deixa de existir temporariamente, mas, no caso de um campo minado, significa também que espacialmente você não pode ir a lugar nenhum. Eu queria pegar o problema e levá-lo adiante a partir de onde ele parou.”

“Em Profundidade: Campos Minados”, individual de Alice Miceli
Curadoria por Luiz Camillo Osorio
Abertura: 18 de maio às 18h

Villa Aymoré
Ladeira da Glória, 26, Gloria, Rio de Janeiro, RJ
Horários de Abertura: Quarta à Domingo – 13:00 às 18:00



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA