Última semana da exposição do Prêmio PIPA e lançamento do catálogo 2018

(Rio de Janeiro, RJ)

A exposição dos finalistas da 9ª edição do Prêmio PIPA 2018, aberta no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (MAM) no dia 1º de setembro, ficará em cartaz apenas até o 27 de outubro, sábado, quando será lançado o catálogo de 2018, com um resumo do trabalho dos 70 artistas que foram indicados este ano. Além de garantir um exemplar, o público pode visitar a mostra e conhecer as pinturas, instalações e fotografias de Arjan Martins, Avaf, Romy Pocztaruk e Vivian Caccuri. Com temáticas variadas, como negritude, ciência, visibilidade LGBTQ+ e ideologia de gênero, os quatro exibiram trabalhos individuais e concorreram a uma doação no valor total de R$130 mil, sendo parte utilizada para financiar a participação do vencedor no programa de residência artística da Residency Unlimited, em Nova York.

Anunciado no dia 19 de outubro, Arjan Martins foi o ganhador desta edição e vai participar, no ano que vem, do programa nos Estados Unidos. A escolha foi feita pelo Juri de Premiação: o artista e professor Fernando Cocchiarale, a artista Iole de Freitas, a teórica Michelle Somer, o curador do Instituto PIPA Luiz Camillo Osorio e o pesquisador Paulo Miyada.

O público que compareceu à exposição também elegeu Arjan Martins como artista favorito. No dia 19, o vencedor da categoria Voto Popular, que recebeu uma doação no valor total de R$ 24 mil, foi anunciado, provando que a pintura ainda ocupa um lugar de relevância no público contemporâneo extremamente estimulado por imagens digitais constantemente.


O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA