Marilá Dardot, Frame da video-instalação “Diário”, 2015

A palavra é o foco em “Palavra Viva”, exposição que celebra a Língua Portuguesa

(Belo Horizonte, MG)

A coletiva “Palavra Viva”, que começa amanhã, 27 de fevereiro, no Sesc Palladium, inicia uma programação especial do centro cultural que vai celebrar a Língua Portuguesa em toda sua diversidade e riqueza.

Entre serigrafias, vídeos, instalações, colagens etc, estão obras de artistas-poetas (e vice versa) como Marilá Dardot, Arnaldo Antunes, Paulo Brusky e Lenora de Barros, que apresentará a performance “Pregação” na abertura da exposição. Trançando um panorama da poesia visual no Brasil, a mostra reflete sobre a relação entre palavra e imagem e sobre a língua como elemento fundamental para a construção de uma identidade nacional. A aproximação de trabalhos de diferentes contextos e gerações oferece ainda uma visão ampliada de como cada tempo e território se apropria da linguagem. “Palavra Viva” porque a língua está em constante mudança e se manifesta de maneiras diversas em cada espaço.

“Palavra Viva”, exposição coletiva
Curadoria de Daniel Rangel
Em cartaz de 27 de fevereiro até 22 de abril

Sesc Palladium
Rua Rio de Janeiro, 1046 – Centro, Belo Horizonte
Funcionamento: ter – dom, 9h às 21h
T: (31) 3270-8100



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA