“Projeto Cavalo: quadrivium – 8 patas” apresenta o resultado da colaboração entre quatro artistas

(Rio de Janeiro, RJ)

O vencedor do Prêmio PIPA 2013 Cadu, Adriano Motta, Eduardo Berliner e Paulo Vivacqua embarcaram em 2011 no Projeto Cavalo para produzirem juntos. Numa dinâmica circular de revezamento, em que cada membro respondia formalmente a provocação do anterior, os quatro artistas interferiram nos processos criativos um do outro. O resultado dessa experimentação e pesquisa é apresentado agora na exposição “Projeto Cavalo: quadrivium – 8 patas”, que começa este sábado no Jacaranda, na Villa Aymoré.

Explorando aspectos individuais da produção recente de cada um, ao mesmo tempo que diluindo, através do trabalho em conjunto, o princípio de “autoria”, a dinâmica do projeto poderia ser comparada ao movimento de um carrossel: cíclico e constante.

A proposta foi justamente investigar os atributos simbólicos do carrossel; objeto lúdico, que agrega características visuais, espaciais e sonoras, além da  metáfora do tempo cíclico e da infância. Um cosmos estacionado, preso em sua minúscula rota, mas que nem por isso deixa de espelhar as voltas do universo em que está inserido.

O resultado apresentado no Jacarandá é um híbrido de gabinete de curiosidades e jardim murado, em que objetos, sons, esculturas, desenhos, pinturas e vídeos, borram as fronteiras das linguagens, dos campos semânticos e refletem a gravidade de órbitas individuais e coletivas em curso de colisão.

“Projeto Cavalo: quadrivium – 8 patas”, coletiva com Adriano Motta, CaduEduardo BerlinerPaulo Vivacqua
Em cartaz de 16 de dezembro de 2017 até 31 de janeiro de 2018

Jacaranda, na Villa Aymoré
Ladeira da Glória, 26, Casa 1 – Glória
Working hours: wed–sun, 1 p.m. to 6 p.m.
T: (21) 2509-6962



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA