Ivani Pedrosa, "Paisagem Possivel III", montagem no Jardim Botanico RJ

Ivani Pedrosa na 2˚ edição da Trio Bienal

(Rio de Janeiro, RJ)

A “Trio Bienal”, mostra internacional de arte contemporânea em torno do tridimensional, começa esta sexta, 22 de dezembro, no Jardim Botânico. A partir da segunda semana de janeiro, a bienal passa a ocupar também a Cidade das Artes. Sob o título de “Vestir o mundo”, a bienal discute processos de intermediação do futuro, levando em consideração os contextos sócio-políticos e ambientais contemporâneos. “O sentimento de vestir o mundo significa vestir compromissos, vestir anseios, vestir os elementos essenciais de nossa existência, de nossa relação com o mundo, com um planeta em conflito, em perigo, em urgências que nos exigem um posicionamento perante responsabilidades diárias”, explica o curador Alexandre Murucci.

As esculturas, instalações, objetos – assim como, em todos os seus campos ampliados – pintura, fotografia, vídeo e outros suportes enquanto investigação tridimensional, estão espalhados pelos espaços do Jardim Botânico. Ocupando o gramado da casa da Presidência, está a instalação “Paisagem Possível III”, da artista Ivani Pedrosa. As 120 peças de aço inoxidável em forma de elipse cobrem a grama, remetendo a ideia de uma plantação. A escolha do material foi fundamental: “escolhi trabalhar com aço inoxidável, material que não usava desde 1998, por causa de sua maior característica: a resistência, pois é assim que vejo a natureza, resistente a tantas agressões que lhe são causadas pelo homem”, afirma a artista.

O trabalho faz menção à grande parte da natureza que se perdeu e será ou já é substituída de forma artificial em decorrência do consumo exagerado. Estimulando um debate acerca da preservação do meio ambiente e da responsabilidade de cada um com o equilíbrio do ecossistema, o trabalho questiona o que restará da natureza para futuras gerações.

“Paisagens possíveis III” dá prosseguimento a série de mesmo nome, iniciada em 2012 quando aconteceu a reunião RIO+20 sobre o futuro do clima mundial. Desde então, a artista vem desenvolvendo trabalhos que refletem sobre a questão ambiental.

“Vestir o mundo”, Trio Bienal
de 23 de dezembro de 2017 a 17 de março de 2018 no Jardim Botânico
de 6 de janeiro a 18 de fevereiro de 2018 na Cidade das Artes

 



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA