Colapso e crise nos trabalhos de cinco artistas em “Falência”

(Rio de Janeiro, RJ)

A Galeria Cavalo apresenta nesta quinta, 06 de julho, a exposição “Falência”, coletiva que reflete sobre um estado de espírito perplexo dos últimos tempos. Através do trabalho de cinco artistas, nacionais e internacionais, a mostra traz imagens de colapsos, catástrofes, crises institucionais, frustrações e pessimismo, tanto em uma escala generalizada quanto em uma dimensão íntima.

As obras se encontram na penumbra, em um ambiente dramático criado pela projeção de video-instalações como “TV-Love” (2008) do lituano Ignas Krunglevičius, onde a própria TV parece falar e dominar o público através de palavras de ordem num jogo de sedução e controle. A artista peruana Maya Watanabe exibe “Sceneries II”, uma panorâmica ambientada em um grande campo em Lima onde um carro aparece incendiado apesar dos poucos indícios de presença humana. “O Curso do Império”, instalação da paulista Janaina Wagner, retrata o ciclo de uma civilização, da sua construção à ruína. E os artistas Pontogor e Mauro Giaconi exibem trabalhos que discutem a segregação e marginalização dos corpos.

“Falência”, coletiva de Ignas Krunglevičius, Janaina Wagner, Mauro Giaconi, Maya Watanabe e Pontogor
Em cartaz de 06 de julho a 19 de agosto de 2017
Abertura: Quinta-feira, 06 de julho, às 18h

Galeria Cavalo
Rua Sorocaba, 51 – Botafogo
Funcionamento: ter – sex, 12h às 20h; sáb, 13h às 17h
T: (21) 2267-7654
info@galeriacavalo.com

 



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA