Finalista ao Prêmio PIPA 2016, Gustavo Speridião conversa com Fernando Cocchiarale hoje

(Rio de Janeiro, RJ)

Curador do MAM-Rio e membro do Conselho do Prêmio PIPA, Fernando Cocchiarale conversa hoje, 05 de junho, às 19h, com Gustavo Speridião na Galeria Mercedes Viegas. O assunto é a exposição “A gente surge da sombra”, individual de Speridião curada por Cocchiarale em cartaz desde o mês passado. Apresentando nove trabalhos inéditos, a exposição reforça a prática do uso de palavras nas obras do artista, finalista ao Prêmio PIPA do ano passado.

– A princípio, eu trabalho com a produção de uma imagem. Imagem em movimento, impressa, apropriada, pintada, escrita, desenhada – conta o artista. É só depois da pintura feita que as palavras começam a ser esboçadas: – Sobre este suporte convencional são criados meu jogos poéticos de idéias e formas

É, assim, combinando imagens, enquadramentos, linguagens e cores que Speridião investiga situações da vida cotidiana. O artista diz ser regido pela ideia do “Kino-Glaz” – do russo, literalmente “cine-olho” – que, formulada pelo diretor Dziga Vertov na vanguarda soviética, defende que o meio artístico deve imitar o olho humano. A prática é mais uma maneira de dialogar com a história da arte, assunto bem conhecido pelo artista, Mestre em Linguagens Visuais pela Escola de Belas Artes da UFRJ.

– Mas o motivo pelo foco na pintura não é o teórico apenas – explica Speridião. – Eu busco na pintura a essência de onde tudo começou: o desenho, a abstração de uma idéia. É o rabisco no papel. É a pintura na caverna. É um “Existir” – conclui.

Confira as obras que Speridião exibe em “A gente surge da sombra”:

Conversa na galeria, com Gustavo Speridião e Fernando Cocchiarale
Segunda-feira, 05 de junho, às 19h

Mercedes Viegas Arte Contemporânea
Rua João Borges, 86 – Gávea
Funcionamento: seg – sex, 12h às 19h; sáb, 15h às 19h
T: (21) 2294-4305



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA