André Komatsu descontrói estruturas sociais em nova individual

(São Paulo, SP)

“Ordem”, “poder”, “sistema”, “estado”. As palavras e suas respectivas definições, além de imagens diversas, voam ao léu na galeria principal da Red Bull Station desde terça-feira. A cena acima não descreve uma manifestação política, porém – não ao menos em sua acepção usual. Trata-se, na realidade, de “Construção de Valores” que, exibida por André Komatsu pela primeira vez em 2012 no Future Generation Art Prize, estreou ontem no espaço, ainda que sem alarde – sua abertura oficial acontece neste sábado, 04 de fevereiro.

Formada por 62 torres de papel, onde mais de 700 mil cópias de imagens midiáticas e verbetes de dicionário são sopradas por ventiladores, o objetivo da obra é questionar as estruturas sociais vigentes, literalmente desestabilizadas pela ação do vento. Uma busca muito coerente com a trajetória do artista, finalista ao Prêmio PIPA em 2011: “Ser crítico em relação ao modo como vivemos e ao sistema em que nos inserimos sempre foi muito importante na minha prática”, ele afirma na entrevista ao Future Generation Art Prize reproduzida abaixo:

O evento de abertura de “Construção de Valores” no sábado, 04 de fevereiro, conta ainda com a inauguração de “Aceita?”, do indicado ao Prêmio PIPA no ano passado Moisés Patrício, e com a apresentação do bloco afro-feminino Ilú Obá de Min, que começa às 17h30 no espaço.

“Construção de Valores”, individual de André Komatsu
Em cartaz de 31 de janeiro a 04 de março de 2017

Red Bull Station
Praça da Bandeira, 137 – Centro
Funcionamento: ter – sex, 11h às 20h; sáb, 11h às 19h
T: (11) 3107-5065
station@redbull.com.br



O PIPA respeita a liberdade de expressão, e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site odem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos.
Copyright © Instituto PIPA