MAM-Rio | Veja a programação completa para o mês de agosto

EXPOSIÇÕES

ARTE EM CENA COLEÇÃO MUSEO NAZIONALE DELLE ARTI DEL XXI SECOLO
5 jul – 11 set 2016 | curadoria Anna Mattirolo | patrocínio Enel e Organização Techint | parceria MAM, Fundación PROA e MAXXI | apoio Istituto Italiano di Cultura – Rio de Janeiro e Embaixada da Itália em Brasília
O MAXXI é o primeiro museu construído em Roma neste novo milênio. Desenhado pela arquiteta Zaha Hadid, recentemente falecida, foi concebido como um espaço de diálogo entre a arte e a arquitetura em uma cidade em que as duas disciplinas dialogam desde o início de sua história. A exposição reúne fotografias, desenhos, pinturas, gravuras, instalações e vídeos, além de maquetes e projetos arquitetônicos.

EM POLVOROSA UM PANORAMA DAS COLEÇÕES
30 jul – 11 set 2016 | curadoria Fernando Cocchiarale e Fernanda Lopes | Mantenedores do MAM
A exposição ocupa todo o segundo andar do Museu, em uma área total de quase 2.700 metros quadrados. A mostra resulta em um amplo panorama da produção artística desde o final do século 19 até os dias de hoje, construído a partir da articulação de obras de três coleções que compõem o acervo de artes visuais da instituição: a Coleção MAM, a Coleção Gilberto Chateaubriand e a Coleção Joaquim Paiva (dedicada à fotografia). Entre os destaques internacionais estão obras de Brancusi, Pollock, Robert Motherwell, Giacometti, Volf Vostel, Denis Oppenheim, Jean Arp, Lucio Fontana, Henri Moore, Rodin, Calder, Penke, Joseph Albers, Barry Flanagan, Keith Haring, e Kosice além de uma fotografia de Dom Pedro II morto, feita por Félix Nadar, em 1891. Dentre os brasileiros, Artur Barrio, Regina Silveira, Willys de Castro, Hércules Barsotti e Hélio Oiticica.

COLEÇÃO JOAQUIM PAIVA
11 jun – 14 ago 2016 | curadoria Fernando Cocchiarale e Fernanda Lopes | Mantenedores do MAM
Depois de 10 anos da primeira exposição dedicada à Coleção Joaquim Paiva, o novo olhar sobre esse conjunto de quase 2 mil fotografias com uma ampla seleção de seus grandes destaques, como Ansel Adams, Claudia Andujar, Diane Arbus, Evandro Texeira, Grete Stern, Geraldo de Barros, José Medeiros, Martín Chambi, Pierre Verger e Rosângela Rennó. Um panorama da história da fotografia, de suas vertentes documentais até a era da imagem digital e a afirmação da fotografia como meio de expressão artística.

ESBOÇO DE CINEMA A ARTE DO STORYBOARD
30 abr – 18 set 2016 | curadoria Hernani Heffner | Mantenedores do MAM
Panorama da arte do storyboard, peça de apoio à realização cinematográfica, caracterizando-se por uma visualização em imagens do roteiro do filme, com marcações do movimento interno ao plano, da câmara e encadeamento de montagem, por exemplo.

CINEMATECA

O BRASIL NOS JOGOS OLÍMPICOS
2 – 16 ago 2016 | curadoria Ricardo Cota | parceria Fife – Festival Internacional de Filmes de Esporte e Instituto de Políticas Relacionais | Mantenedores do MAM
A Cinemateca apresenta filmes realizados para a constituição de um registro audiovisual da participação brasileira em Jogos Olímpicos. Enfocando principalmente a participação dos atletas em várias modalidades esportivas, a série traz ainda documentários sobre determinadas edições, como os famosos Jogos da XXII Olímpiada, em Moscou em 1980, e a participação feminina em um universo que em muitos momentos se mostrou machista, misógino e segregador. Os filmes são assina dos por diretores renomados da cinematografia brasileira como Cao Hamburger, CarlosDiegues, Sílvio Tendler, José Roberto Torero, Cavi Borges, Rafael Terpins e Murilo Salles.

RETROSPECTIVA SEBASTIAN WIEDEMAN
23 ago 2016 | curadoria Ricardo Cota | Mantenedores do MAM
Uma seleção de curtas do realizador colombiano, revelando o talento e a radicalidade de um dos nomes mais significativos do cinema experimental contemporâneo.

CINEMA CHINÊS CONTEMPORÂNEO
18 – 19 ago 2016 | curadoria Ricardo Cota | realização Academia de Cinema de Beijing e Jornal Diário do Povo |Mantenedores do MAM
Filmes e exposição fotográfica, por ocasião da realização das Olimpíadas no Rio. São cinco títulos da produção mais recente da República Popular da China, evidenciando o crescimento artístico e econômico do cinema chinês e sua presença no circuito de festivais e no mercado mundial.

CINECLUBE PARQUE DO FLAMENGO | TEATRO: DO CLÁSSICO AO MODERNO
27 ago 2016 | curadoria Ricardo Cota | parceria CAL – Casa de Artes Laranjeiras | Mantenedores do MAM
As relações entre cinema e teatro, com destaque a adaptações de textos clássicos e modernos, com suas releituras cinematográficas.

CINECLUBE SALA ESCURA RAOUL RUIZ
28 – 31 ago 2016 | curadoria Ricardo Cota | parceria Cineteca Nacional de Chile | Mantenedores do MAM
Lembrando os cinco anos de morte de Raoul Ruiz, cineasta chileno radicado em Paris, o Cineclube Sala Escura traz ao Brasil, a versão restaurada de “Três tristes tigres”, obra que consagrou o realizador junto à crítica especializada e o lançou internacionalmente.

EDUCAÇÃO E ARTE eu, você e o MAM – Patrocínio Petrobras

Visitas em grupo
agendados (até 40 pessoas) ter – sex 13h e 15h | atendimento@mamrio.org.br
Acolhimento de escolas, com visitas comentadas às exposições, atividades práticas de sensibilização e criação artística. Voltado para alunos, ONGs, grupos de educação especial ou que trabalhem com a inclusão social. Livre.
qua, sáb e dom 16h – grupos não agendados (até 20 pessoas)
Para grupos espontâneos de visitantes interessados em acompanhamento comentado às exposições. Livre.

Programa em família
dom 15h
Visitas ao acervo e às exposições temporárias e desenvolvimento de atividades artístico-educativas nos espaços internos e externos do museu.

CALENDÁRIO

ter 2
16h

O Brasil nos Jogos Olímpicos Brilho imenso, a história de Cláudio Kano de Denis Kamioka. Brasil, 2012. Documentário (mesa-tenista Cláudio Kano). 26’. Ouro, prata, bronze e… Chumbo! de José Roberto Torero. Brasil, 2012. 26’. Documentário (atiradores Guilherme Paraense, Sebastião Wolf e Dario). O salto de Adhemar de Rafael Terpins e Thiago Brandimarte Mendonça. Brasil, 2012. Documentário (saltador triplo Adhemar Ferreira da Silva). 26’. H264.| 18h O Brasil nos Jogos Olímpicos Aída, uma mulher de garra de André Pupo. Brasil, 2012. Documentário (saltadora em altura Aída dos Santos). 26’. Reinaldo Conrad: a origem do iatismo vencedor de Murilo Salles. Brasil, 2012. 26’. Documentário (iatista Reinaldo Conrad). Maria Lenk – A essência do Espírito Olímpico de Iberê Carvalho. Brasil, 2012. Documentário (nadadora Maria Lenk). 26’. H264.

qua 3
16h

Visita em grupo | 16h Lançamento do livreto Coleção Joaquim Paiva l – vol. 2 | 16h O Brasil nos Jogos Olímpicos Pátria de Fábio Meira. Brasil, 2012. Documentário (voleibolistas de quadra Fernanda Venturini, Ana Moser, Márcia Fu, Hilma, Ana Flávia, Ida, Ana Paula, Virna, Leila, Fofão, Filó e Sandra). 26’. De Olaria a Helsinque: a história de um salto de André Klotzel. Brasil, 2012. 26’. Documentário (saltador em altura José Telles da Conceição). A luta continua – Um documentário em 12 rounds de Renata Sette Aguilar. Brasil, 2012. Documentário (boxeador Servílio de Oliveira). 26’. H264. | 18h O Brasil nos Jogos Olímpicos México 1968 – A última Olimpíada livre de Ugo Georgetti. Brasil, 2012. Documentário. 26’. A volta ao mundo de Anésio Argenton de Marcelo Paiva e Fernando Acquarone. Brasil, 2012. 26’. Documentário (ciclista Anésio Argenton). A valsa do pódio de Bruno Carneiro e Daniel Hanai. Brasil, (corredora Terezinha Guilhermina). 26’. H264.

dom7
11h30

15h Programa em família | 16h Visita em grupo | 16h O Brasil nos Jogos Olímpicos Ippon – A superação olímpica de Rogério Sampaio de André Pupo. Brasil, 2012. Documentário (judoca Rogério Sampaio). 26’. 3 pontos: basquete, rap e jejum de Rafael Terpins. Brasil, 2013. 26’. Documentário (basquetebolistas Wlamir, Oscar e Varejão). 55.4 A virada de Ricardo Dias. Brasil, 2013. Documentário (nadador Manoel dos Santos Júnior). 26’. H264.| 18h O Brasil nos Jogos Olímpicos O Brasil na Terra do Misha de Sílvio Tendler. Brasil, 2013. Documentário. 26’. Um homem que voa: Nelson Prudêncio de Maurílio Martins e Adirley Queirós. Brasil, 2013. 26’. Documentário (saltador triplo Nelson Prudêncio). Viagem – o saque que mudou o vôlei de Giuliano Zanaleto. Brasil, 2013. Documentário (voleibolistas de quadra Montanaro, William e Renan). 26’. H264.

sáb 7
15h
Scola Roteirista
Aquele que sabe viver Il sorpasso de Dino Risi. Itália, 1962. Com Vittorio Gassman e Jean-Louis Trintgnant. 105’. Legendas em português. Exibição em 35mm. | 17h Scola Roteirista Os monstros I mostri de Dino Risi. Itália/França, 1963. Com Ugo Tognazzi, Vittorio Gassman e Lando Buzzanca. 115’. Legendas em português. Exibição em MP4.

terç 9
16h
Scola Diretor
Fala-me de mulheres Se permettete parliamo di donne de Ettore Scola. Itália/França, 1964. Com Mario Brega e Walter Chiari. 107’. Legendas em português. Exibição em MP4. | 17h Scola Diretor Ciúme à italiana Drama della gelosia – Tutti i particolare in cronaca de Ettore Scola. Itália/França, 1970. Com Marcello Mastroianni, Monica Vitti e Giancarlo Giannini. 107’. Legendas em português. Exibição em MP4. Documentário (barreirista Sylvio Padilha). Szabo, em busca do sol de Marcos Ribeiro. Brasil, 2014. Documentário (poloaquatista Aladar Szabó). 26’. H264.

qua 10
16h

Visita em grupo | 16h O Brasil nos Jogos Olímpicos O nadador – A história de Tetsuo Okamoto de Rodrigo Grota. Brasil, 2014. Documentário (nadador Tetsuo Okamoto). 26’. Bete do peso de Kiko Mollica. Brasil, 2014. 26’. Documentário (levantadora de peso Maria Elisabete Jorge). 5 X Yane de Renata Magalhães e Flora Diegues. Brasil, 2014. Documentário (pentatleta Yane Mar-
ques). 26’. H264. | 18h O Brasil nos Jogos Olímpicos Wanda dos Santos – sem barreiras de Cleisson Vidal. Brasil, 2014. Documentário (barreirista Wanda dos Santos). 26’. As incríveis histórias de um navio fantasma de André Bonfim e Gustavo Rosa de Moura. Brasil, 2014. 52’. Documentário. As lutas de Adriana de Alberto Iannuzzi. Brasil, 2014. (boxeadora Adriana Araújo). 26’. H264.

qui 11
16h

O Brasil nos Jogos Olímpicos O samurai brasileiro – A história de Chiaki Ishii de Bruno Tinoco e Eduardo Levy. Brasil, 2014. Documentário (judoca Chiaki Ishii). 26’. João do vôo: a história de uma medalha roubada de Sérgio Miranda e Pedro Simão. Brasil, 2014. Documentário (saltador triplo João Carlos de Oliveira, o João do Pulo). 26’. O discreto charme de uma campeã de Fábio Meira. Brasil, 2015. 26’. Documentário (voleibolista de quadra Fofão). H264. | 18h O Brasil nos Jogos Olímpicos O nado de Joana de Lucas Fitipaldi. Brasil, 2015. Documentário (nadadora Joana Maranhão). 26’. Seguindo a linha: a história de Ricardo Prado de André Bonfim. Brasil, 2015. (nadador Ricardo Prado). 26’. Meninas de Carla Gallo. Brasil, 2015. Documentário. 26’. H264.

sex 12
16

O Brasil nos Jogos Olímpicos Procura-se Irenice de Marco Escrivão e Thiago Mendonça. Brasil, 2015. Documentário (corredora meio-fundista Irenice Maria Rodrigues). 26’. Irmãos Grael de Marina Pessanha. Brasil, 2015. 26’. Documentário (iatistas Torben Grael e Lars Grael). Clodoaldo Silva – o tubarão das piscinas de Susanna Lira e André Baseggio. Brasil, 2015. (nadador Clodoaldo Silva) 26’. H264. | 18h O Brasil nos Jogos Olímpicos Rosinha: a força de uma guerreira de Carlos Segundo. Brasil, 20152. Documentário (lançadora de disco Roseane Ferreira dos Santos). 26’. Mãos de urso de Cao Hamburguer. Brasil, 2015. Documentário (massagista Luiz Carlos Souza, o Luisão). 26’. Buck – o monstro da Lagoa de Marcos de Araújo Ribeiro e Helena Lara Resende. Brasil, 2015. 26’. Documentário (técnico de remo Guilherme Eirado Silva, o Buck). H264.

qua 17
16h

Visita em grupo | 18h30 Sessão Pianeiro Sangue napolitano Assunta Spina de Gustavo Serena e Francesca Bertini (não creditada). Itália, 1915. Com Francesca Bertini, Gustavo Serena e Carlo Benedetti. 73’. Intertítulos em espanhol.

quin 18
13h

Cinema Chinês Contemporâneo Caminhos da alma Kang rinpoche de Zhang Yang. China, 2015. Com Nyima Zadui, Yang Pei, Tsring Chodron, Rigzoin Jigme e Mu Qu. 115’. Legendas em português. MP4. | 15h Cinema Chinês Contemporâneo O “panela quente” de Chongqing Chongqing Hot Pot de Yang Qing. China, 2015. Com Chen Kun, Bai Baihe e Hao Qin. 95’. Legendas em português. MP4. | 17h Cinema Chinês Contemporâneo 12 cidadãos Shi’er gongmin de Ang Xu. China, 2014. Com Zan Ban, Dongpin Gao e Tongsheng Han. 108’. Legendas em português. MP4.

sex 19
15h

Cinema Chinês Contemporâneo Sentencie-me culpado Pan woyou zui de Liang Sun. China, 2015. Com Xinyun Li, Francis Ng e Xiajie Tian. 97’. Legendas em português. MP4. | 17h Cinema Chinês Contemporâneo O mestre Shi Fu de Hao-feng Xu. China, 2015. Com Fan Liao, Jia Song e Wenli Jiang. 109’. Legendas em português. MP4. | 19h Pós-estréia A morte de J. P. Cuenca de João Paulo Cuenca. Brasil, 2014. Com João Paulo Cuenca, Ana Flávia Cavalcanti, Leonilce Torato e Ivo Raposo. 90’. Exibição em DCP. + debate com o realizador, Felipe Bragança e Vera Follain de Figueiredo.

qua 23
18h30
Retrospectiva Sebastian Wiedemann Tormenta na janela Sturm im Fernster. Colômbia/Argentina, 2013. 1’. Derrames. Colômbia/Argentina, 2011. 19’. Passagem Zugang. Colômbia/Argentina, 2010-1. 14’. Ondas. Colômbia/Brasil, 2015. 10’. Tentativa de movimento Tryto move. Colômbia/Argentina, 2012. 5’. Abismo. Colômbia/Argentina, 2012. 4’. Ser-Gato Être-Chat. Colômbia/Brasil/França/Japão, 2014. 20’. Os (de)pendentes Los (de)pendientes. Colômbia/Argentina, 2016. 24’. Filmes experimentais. MP4. + debate com realizador.

qui 19
18h30
Sala Escura
Aparte de Mario Handler. Uruguai, 2002. Documentário.91’. Legendas em português. Exibição em DVD. | 20h Cinel #3 – Pré-estréia apresentação pelo Curador Felipe Cataldo + O namorado de Guido Brasil. Brasil, 2016. Com Ciça Ojuara e Thiago Pimentel. 8’. Exibição em H264. Pré-estréia Haram de Max Gaggino. Brasil, 2015. Com Luciana Fernandes e Maiane Santos. 14’. Exibição em H264. Medula de Tunga e Eryk Rocha. Brasil, 2005. Com Gwenaël Allan e Pauline Behr. 15’. Exibição em 35mm. Oi Laura, oi Luís! de Márcio Melges. Brasil, 1998. Com Dado Amaral e Patrícia Pichamone. 20’. Exibição em 16mm. Monocelular de Felipe Cataldo. Brasil, 2009. Com Tati Furuse, Júlia Shimura e Felipe Cataldo. Experimental. 13’. Exibição em DVD. Cinema platônico de Bárbara Kahané. Brasil, 2005. Com Álamo Facó e Bernardo Palmeira. 15’. Exibição em 35mm.

sex 20
18h
Uranium Film Festival
Abrigo nuclear de Roberto Pires. Brasil, 1981. Com Conceição Senna, Sasso Alano e Roberto Pires. 81’. Legendas em inglês. + Bahia Sci-Fi de Petrus Pires. Brasil, 2015. Documentário. 30. Legendas em inglês. Exibição em DCP. + debate com Petrus Pires, Hernani Heffner e elenco, e coquetel.

qua 24
16h
 Visita em grupo | 18h Extra A morte de J. P. Cuenca de João Paulo Cuenca. Brasil, 2014. Com João Paulo Cuenca, Ana Flávia Cavalcanti, Leonilce Torato e Ivo Raposo. 90’. DCP.

qui 25
18h30

Sala Escura Três tristes tigres Tres tristes tigres de Raúl Ruiz. Chile, 1968. Versão restaurada. Com Shenda Román, Nelson Villagra, Jaime Vadell e Luis Alarcón. 100’. Legendas em português. BLURAY. + debate.

sex 26
19h

Sessão Plano Navalha na carne de Braz Chediak. Brasil, 1969. Com Jece Valadão, Glauce Rocha e Emiliano Queirós. 99’. 35MM. + debate.

sab 27
14h

Cineclube Parque do Flamengo Esperando Godot Waiting for Godot de Michael Lindsay-Hogg. Irlanda, 2001. Com Barry McGovern, Johnny Murphy, Alan Stanford, Stephen Brennan e Sam McGovern. 113’. Legendas em português | 16h Visita em grupo | 17h Risco Cinema: brasil / experimental / contemporâneo Deadpixel de Caio Sales. Brasil, 2016. 4’. Occidente de Ana Vaz. Brasil, 2014. 19’36”. Action painting n1/n2 de Krefer& Turca. Brasil, 2014. 6’45”. Especulativo-imóvel de James Zortéa. Brasil, 2012. 6’. Mãos Mortas de Arthur Tuoto. Brasil, 2012. 5’40”. Nenhum lugar de Dellani Lima. Brasil, 2011. 13’21”. Liberta Morón – Onira vira rio de Taís Lobo. Brasil, 2012. 7’21”. Estou aqui de Louise Botkay. Brasil, 2016. 7’. Ashes of the Afternoon de Márcia Bellotti e Luiza
Porto. Brasil, 2016. 8’44”. We Are Dreamers! de Gabraz Sanna e Sara. Brasil, 2015. 5’19”. Entretempos de Fred Benevides e Yuri Firmeza. Brasil, 2015. 7’51”. CHILD WORLD de Duo Strangloscope. Brasil, 2015. 8’. 1716 de Marcellvs L. Brasil, 2009. 7’. H264. + debate.

dom 28
11h30

Música no Museu | 15h Programa em família | 16h Visita em grupo | 16h Sala Escura Diálogos de exilados Diálogos de exiliados de Raúl Ruiz. Chile/França,1975. Com Daniel Gélin, Francois e Arnoul e Huguette Faget.100’. Legendas em português. MP4. | 18h Sala Escura A hipótese do quadro roubado L’hypothèse du tableau volé de Raoul Ruiz. França, 1978. Com Jean Rougeul, Chantal Paley e
Jean Raynaud. 66’. Legendas em português. MP4.

seg 29
19h

Pré-estréia Histórias de Alice de Oswaldo Caldeira. Brasil/Portugal, 2009. Com Leonardo Medeiros, Ana Moreira e Diana Costa e Silva. 94’. 35MM. + debate com realizador.

ter 30
18h30

Sala Escura A imagem de um pesadelo Shatered Image de Raul Ruiz. EUA/Canadá/Grã-Bretanha, 1998.Com Anne Parillaud, William Baldwin, Lisanne Falk e Graham Greene. 87’. Legendas em português. MP4.

qua 31
16h

16h Visita em grupo | 18h30 Sala Escura Genealogias de um crime Généalogies d’un crime de Raoul Ruiz. França/Portugal, 1997. Com Catherine Deneuve e Michel Picoli. 114’. Legendas em português. 35MM.

Museu de Arte Moderna Rio de Janeiro
Av Infante Dom Henrique 85, Parque do Flamengo 20021-140 Rio de Janeiro RJ Brasil.
T +55 (21) 3883 5600
www.mamrio.org.br facebook/museudeartemodernarj
twitter/mam_rio

Horários
ter – sex 12h – 18h | sáb, dom e feriados 12h – 19h
A bilheteria fecha 30 min antes do término do horário de visitação.

Ingressos
Exposições R$14,00 (inclui uma sessão gratuita na cinemateca válida no dia da emissão do ingresso).
Maiores de 60 anos e estudantes maiores de 12 anos R$7,00. Domingos ingresso família até 5 pessoas R$14,00.
Cinemateca R$8,00
Maiores de 60 anos e estudantes maiores de 12 anos R$7,00. GRATUIDADES Amigos do l, crianças até 12 anos e funcionários das empresas mantenedoras e parceiras (mediante apresentação de crachá, com direito a um acompanhante) e quartas após às 15h.

Como chegar Referência: O Museu de Arte Moderna está localizado entre o Monumento aos Pracinhas e o Aeroporto Santos Dumont

Ônibus (linhas e pontos)
Da Zona Sul >> Via Parque do Flamengo: 472 (Leme), 438(Leblon),154 (Ipanema), 401 (Flamengo), 422 (Cosme Velho). Ponto na Avenida Beira Mar em frente à passarela.
Via Aterro: 121, 125 e 127 (Copacabana). Ponto na Avenida Presidente Antônio Carlos em frente ao Consulado da França.
Da Zona Norte >> 422 (Tijuca), 472 (São Cristóvão), 438 (Vila Isabel),401 (Rio Comprido). Ponto na Avenida Presidente Wilson, em frente à Academia Brasileira de Letras.
Da Zona Oeste >> Frescão Taquara-Castelo (via Zona Sul). Ponto mais próximo localiza-se na Avenida Presidente Wilson, em frente à Academia Brasileira de Letras.
Metrô: Estação Cinelândia

Acesso a deficientes Cadeiras de rodas, rampas de acesso até os salões de exposição, elevadores e sanitários especiais.

Estacionamento Pago no local 7h – 22h

Para mais informações acesse http://mamrio.org.br.



O PIPA respeita a liberdade de expressão, e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site odem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos.
Copyright © Instituto PIPA