Screen Shot 2016-02-03 at 11.07.00 AM

MAM-Rio | Veja a programação completa para o mês de fevereiro

(Rio de Janeiro, RJ)

unnamed-1

EXPOSIÇÕES

JOSEP FERRANDO ARCHITECTURE MATÉRIA E LUZ
12 dez 2015 – 10 abr 2016
A mostra evidencia o processo de trabalho do arquiteto, o reconhecimento de um lugar e nossa adaptação a ele, provendo-o de vida.

O DESIGN E A MADEIRA
12 dez 2015 – 13 mar 2016 | curadoria Tulio Mariante
Tema central desta mostra, a madeira reúne produtos criados por designers do Rio de Janeiro que usam a matéria de forma criativa e inovadora, conscientes do compromisso com seu uso sustentável.

IOLE DE FREITAS O PESO DE CADA UM
18 jul 2015 – 10 abr 2016 | curadoria Ligia Canongia
A artista Iole de Freitas traz nesta individual três trabalhos inéditos em grandes dimensões, realizados especialmente para o salão monumental do Museu. Integra também à exposição um trabalho em vidro.

LAERCIO REDONDO O QUE ACABA TODOS OS DIAS
12 dez 2015 – 28 fev 2016 | curadoria Justine Ludwig
O artista escava memórias, muitas vezes usando a arquitetura como ponto de partida. Mescla uma narrativa poética a uma visão pessoal para criar instalações multifacetadas. Muitas vezes, dando voz aos que foram silenciados, aponta implicações universais do esquecimento coletivo.

OPINIÃO 65 50 ANOS DEPOIS
19 set 2015 – 10 mai 2016 | curadoria Luiz Camillo Osorio
A exposição ocorrida no MAM-RIO em 1965 está no inconsciente coletivo da nossa cultura recente. Artistas brasileiros que participaram da exposição e material de arquivo referente à mostra – críticas, iconografia, filmes e entrevistas – recontam este capítulo da nossa história.

THE IMPORTANCE OF BEING…
16 dez 2015 – 28 fev 2016 | curadoria Sara Alonso Gómez
Exposição coletiva que apresenta a produção artística contemporânea da Bélgica, recentemente exibida em Cuba e na Argentina.

GENEALOGIAS DO CONTEMPORÂNEO COLEÇÃO GILBERTO CHATEAUBRIAND
exposição permanente | curadoria Luiz Camillo Osorio
Totalmente remodelada, a exposição permanente é divida em: Brasil visões e vertigens, Cidade partida, Corpos híbridos, Respirações geométricas e Mergulho na coleção, com trabalhos de Maria do Carmo Secco.

MAM: SUA HISTÓRIA, SEU PATRIMÔNIO
exposição permanente | curadoria Elizabeth Catoia Varela
Mostra sobre nossa história e a arquitetura. Estão presentes, além da grande maquete do conjunto arquitetônico do museu, materiais gráficos de diversas épocas.

EDUCAÇÃO E ARTE eu, você e o MAM
programa em família
dom
15h
Acolhimento de público em geral para visitas ao acervo e às exposições temporárias e desenvolvimento de atividades artístico-educativas
nos espaços internos e externos do museu.

visitas em grupo
ter a sex 13h e 15h
grupos até 40 pessoas
agendamento atendimento@mamrio.org.br
Programa elaborado para o acolhimento de escolas, compreendendo visitas comentadas às exposições, atividades práticas de sensibilização e criação artística. Voltado para turmas de alunos, ONGs, grupos de educação especial e grupos que trabalhem com a inclusão social.
qua, sáb e dom 16h, grupos até 20 pessoas
Programa elaborado para grupos espontâneos de visitantes interessados em acompanhamento comentado às exposições do museu.

Cinemateca

VERÃO MUSICAL MÚSICOS, MÚSICA E MUSICAIS
2 – 4 fev | curadoria Ricardo Cota

HOMENAGEM A FRANCISCO SÉRGIO MOREIRA
11 – 14 fev | curadoria Ricardo Cota

FILMAGEM CLANDESTINA
16 – 21 fev | curadoria Ricardo Cota

NELSON, MODERNO E CONTEMPORÂNEO
23 – 25 fev | curadoria Ricardo Cota

AGENDA

ter 2
18h30 | Verão Musical
Assim dançou o comunismo (East Side Story), de Dana Ranga. Alemanha, 1997. Documentário. 75’. Legendas em português. Exibição em 35mm

qua 3
16h30 | Verão Musical
A ópera dos pobres L’opéra de quat’sous de Georg Wilhem Pabst. Alemanha/EUA, 1931. Com Albert Préjean e Florelle. 104’. Legendas em inglês. Exibição em MP4.
18h | Verão Musical Cadu Pereira toca Kurt Weill apresentação do pianista, programador e responsável pelo acompanhamento de filmes silenciosos na Cinemateca, homenageando o compositor Kurt Weill.
18h30 | Verão Musical Casamento proibido You and Me de Fritz Lang. EUA, 1938. Com Sylvia Sidney e George Raft. 90’. Legendas em português. Exibição em MP4.

qui 4
16h30 | Verão Musical
Alô! Alô! Carnaval! de Adhemar Gonzaga. Com Barbosa Jr. e Pinto Filho. 85’. Exibição 35mm.
18h30 | Verão Musical Orfeu do Carnaval Orfeu Negro de Marcel Camus. França/Itália/Brasil, 1959. Com Breno Mello e Marpessa Dawn. 100’. Exibição DVD.

qui 11
16h30 | Homenagem a Francisco Sérgio Moreira
Os anos JK: uma trajetória política de Sílvio Tendler. Brasil, 1980. Documentário. 109’. Exibição em 35mm.
18h30 | Homenagem a Francisco Sérgio Moreira Rua Escadinha 162 de Márcio Câmara. Brasil, 2003. Documentário. 18’. Exibição em 35mm; A Maldição do Samba de Remier Lion. Brasil, 1998. Experimental. 15’. Exibição em 35mm; Heliorama de Ivan Cardoso. Brasil, 2003. Experimental. 15’. Exibição em 35mm. Sessão seguida de debate com os cineastas Ivan Cardoso, Sylvio Back e Sílvio Tendler e com mediação do cineasta, escritor e pesquisador Remier Lion.

sex 12
16h30 | Homenagem a Francisco Sérgio Moreira
Capitu de Paulo César Saraceni. Brasil, 1968. Com Isabella, Othon Bastos e Raul Cortez. 105’. Exibição em 35mm
18h30 | Homenagem a Francisco Sérgio Moreira A Bolandeira de Vladimir Carvalho. Brasil, 1969. Documentário. 18’. Exibição em 35mm. Cinemateca: restauração e memória I e II (fragmento) de Marcos de Souza Mendes. Brasil, 1992. Documentário. Exibição em DVD. Sessão seguida de debate com a preservadora audiovisual Juçara Palmeira, o Coordenador Geral de Processamento e Preservação de Acervo do Arquivo Nacional Mauro Domingues, a Presidente do Sindicato da Indústria Audiovisual Sílvia Rabello, a Professora da UFF Elianne Ivo, a Presidente do Centro de Pesquisadores do Cinema Brasileiro Myrna Brandão e o Curador Adjunto e Conservador-Chefe da Cinemateca do l Hernani Heffner, e com mediação do professor da UFF e Diretor Técnico da Associação Brasileira de Preservação Audiovisual-ABPA Rafael de Luna Freire.

sáb 13
16h | Homenagem a Francisco Sérgio Moreira
Por 30 dinheiros de Vânia Perazzo Barbosa e Ivan Hlebarov. Brasil, 2005. Com Osvaldo Mil, Ilya São Paulo e Cláudia Alencar. 90’. Exibição em 35mm.
18h | Homenagem a Francisco Sérgio Moreira Vidas secas de Nelson Pereira dos Santos. Brasil, 1963. Com Átila Iório e Maria Ribeiro. 103’. Exibição em 35mm.

dom 14
14h | Homenagem a Francisco Sérgio Moreira
O canto da terra de Paulo Rufino. Brasil, 1991. Documentário. 44’. Versão brasileira. Exibição em 35mm. Negros de cedro de Manfredo Caldas. Brasil, 1998. Documentário. 17’. Exibição em 35mm. Zweig: a morte em cena de Sylvio Back. Brasil, 1994. Documentário. 43’. Exibição em 16mm.
16h | Homenagem a Francisco Sérgio Moreira O país de São Saruê de Vladimir Carvalho. Brasil, 1970. Documentário. 80’. Exibição em 35mm.
18h | Homenagem a Francisco Sérgio Moreira Vida provisória de Maurício Gomes Leite. Brasil, 1968. Com Paulo José e Dina Sfat. 88’. Exibição em 35mm.

ter 16
18h30 | Filmagem Clandestina
O sal da terra Salt ofthe Earth de Herbert Biberman. EUA, 1954. Com RosarioRevueltas e Will Geer. 94’. Legendas em português. Exibição em MP4

qua 17
18h30 | Filmagem Clandestina
Cabra marcado para morrer de Eduardo Coutinho. Brasil, 1964-84. Documentário. 119’. Exibição em 35mm.

qui 18
18h30 | Sala Escura
Barroco de Paul Ledu. México, 1989. Com Francisco Rabal e Ángela Molina. 115’. Exibição em DVD. 10 anos sex 19 18h30 Filmagem Clandestina Os deserdados Cry, the Beloved Country de Zoltan Korda. Grã-Bretanha, 1952. Com Canada Lee e Sidney Poitier. 103’. Legendas em português. Exibição em MP4.

sáb 20
16h | Filmagem Clandestina
Volte, África Come back, Africa de Lionel Rogosin. África do Sul/EUA, 1959. Com VinahMakeba e ZachriaMakeba. 83’. Legendas em português. Exibição em MP4.
18h | Filmagem Clandestina Ata Geral do Chile Acta General de Chile de Miguel Litín. Chile/Cuba, 1986. Documentário. 115’. Legendas em português. Exibição em MP4.

dom 21
16h | Filmagem Clandestina
Fugindo do amanhã Escape From Tomorrow de Randy Moore. EUA, 2013. Com Roy Abramsohn e Elena Schuber. 90’. Legendas em português. Exibição em MP4.
18h | Filmagem Clandestina Subterrâneo de José Eduardo Belmonte. Brasil, 2003. Com Murilo Grossi e Chico Sant’Anna. 92’. Exibição em 35mm.

ter 23
18h30 | Nelson, Moderno e Contemporâneo
Ninguém ama ninguém… por mais de dois anos…de Clóvis Mello. Brasil, 2015. Com Gabriela Duarte, Pedro Brício e Michel Melamed. 113’. Exibição em DCP. Sessão seguida de debate.

qua 24
16h30 | Nelson, Moderno e Contemporâneo
Ninguém ama ninguém… por mais de dois anos… de Clóvis Mello. Brasil, 2015. Com Gabriela Duarte, Pedro Brício e Michel Melamed. 113’. Exibição em DCP.
18h30 | Nelson, Moderno e Contemporâneo Boca de Ouro de Nelson Pereira dos Santos. Brasil, 1962. Com Odete Lara e Jece Valadão. 103’. Exibição em 35mm.

qui 25
16h30 | Nelson, Moderno e Contemporâneo
Ninguém ama ninguém… por mais de dois anos… de Clóvis Mello. Brasil, 2015. Com Gabriela Duarte, Pedro Brício e Michel Melamed. 113’. Exibição em DCP.
18h30 | Sessão Plano O desafio de Paulo César Saraceni. Brasil, 1965. Com Oduvaldo Vianna Filho e Isabella. 94’. Exibição em 35mm.

sex 26
16h30 | Nelson, Moderno e Contemporâneo
Ninguém ama ninguém… por mais de dois anos… de Clóvis Mello. Brasil, 2015. Com Gabriela Duarte, Pedro Brício e Michel Melamed. 113’. Exibição em DCP.
18h30 | Nelson, Moderno e Contemporâneo A falecida de Leon Hirzsman. Brasil, 1964. Com Fernanda Montenegro e Paulo Gracindo. 95’. Exibição em 35mm.

sáb 27
14h | Nelson, Moderno e Contemporâneo
Ninguém ama ninguém… por mais de dois anos… de Clóvis Mello. Brasil, 2015. Com Gabriela Duarte, Pedro Brício e Michel Melamed. 113’. Exibição em DCP.
16h | Nelson, Moderno e Contemporâneo Gêmeas de Andrucha Waddington. Brasil, 1999. Com Fernanda Torres, Evandro Mesquita e Fernanda Montenegro. 75’. Exibição em 35mm.
18h | Nelson, Moderno e Contemporâneo Bonitinha, mas ordinária de Moacyr Góes. Brasil, 2008. Com João Miguel e Leandra Leal. 90’. Exibição em 35mm.

dom 28
14h | Nelson, Moderno e Contemporâneo
Ninguém ama ninguém… por mais de dois anos… de Clóvis Mello. Brasil, 2015. Com Gabriela Duarte, Pedro Brício e Michel Melamed. 113’. Exibição em DCP.
16h | Nelson, Moderno e Contemporâneo Traição de Arthur Fontes, José Henrique Fonseca e Cláudio Torres. Brasil, 1998. Com Ludmila Dayer, Pedro Cardoso e Fernanda Torres. 100’. Exibição em 35mm.
18h | Nelson, Moderno e Contemporâneo Engraçadinha depois dos trinta de J.B. Tanko. Brasil, 1966. Com Irma Alvarez, Fernando Torres e Vera Vianna. 92’. Exibição em MP4.

seg 29
18h30 | pré-estréia
Arpoador praia e democracia de Hélio Pitanga. Sessão seguida de debate com o diretor, Milton Teixeira, Jom Tob Azulay e Nelson Hoineff.

Museu de Arte Moderna Rio de Janeiro
Av Infante Dom Henrique 85, Parque do Flamengo 20021-140 Rio de Janeiro RJ Brasil.
T +55 (21) 3883 5600
www.mamrio.org.br facebook/museudeartemodernarj
twitter/mam_rio

Horários
ter – sex 12h – 18h | sáb, dom e feriados 12h – 19h
A bilheteria fecha 30 min antes do término do horário de visitação.

Ingressos
Exposições R$14,00 (inclui uma sessão gratuita na cinemateca válida no dia da emissão do ingresso).
Maiores de 60 anos e estudantes maiores de 12 anos R$7,00. Domingos ingresso família até 5 pessoas R$14,00.
Cinemateca R$8,00
Maiores de 60 anos e estudantes maiores de 12 anos R$7,00. GRATUIDADES Amigos do l, crianças até 12 anos e funcionários das empresas mantenedoras e parceiras (mediante apresentação de crachá, com direito a um acompanhante) e quartas após às 15h.

Como chegar Referência: O Museu de Arte Moderna está localizado entre o Monumento aos Pracinhas e o Aeroporto Santos Dumont

Ônibus (linhas e pontos)
Da Zona Sul >> Via Parque do Flamengo: 472 (Leme), 438(Leblon),154 (Ipanema), 401 (Flamengo), 422 (Cosme Velho). Ponto na Avenida Beira Mar em frente à passarela.
Via Aterro: 121, 125 e 127 (Copacabana). Ponto na Avenida Presidente Antônio Carlos em frente ao Consulado da França.
Da Zona Norte >> 422 (Tijuca), 472 (São Cristóvão), 438 (Vila Isabel),401 (Rio Comprido). Ponto na Avenida Presidente Wilson, em frente à Academia Brasileira de Letras.
Da Zona Oeste >> Frescão Taquara-Castelo (via Zona Sul). Ponto mais próximo localiza-se na Avenida Presidente Wilson, em frente à Academia Brasileira de Letras.
Metrô: Estação Cinelândia

Acesso a deficientes Cadeiras de rodas, rampas de acesso até os salões de exposição, elevadores e sanitários especiais.

Estacionamento Pago no local 7h – 22h

Para mais informações acesse http://mamrio.org.br.



Copyright © Instituto Investidor Profissional