Screen Shot 2015-09-14 at 1.16.51 PM

“Opinião 65 – 50 anos depois” no MAM-Rio

(Rio de Janeiro, RJ)

O Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro recebe a partir de amanhã a mostra “Opinião 65 – 50 anos depois”, em parceria com a Pinakotheke Cultura, que reconta a história da exposição que apontava uma nova direção nas artes na década de 60.

opiniao65_conviteeletronico

Leia abaixo o texto pelo curador e conselheiro do PIPA, Luiz Camillo Osorio:
Em um contexto político e socialmente conturbado, no ano seguinte ao golpe militar, Ceres Franco e Jean Boghici prepararam uma grande exposição que reunia artistas brasileiros e estrangeiros – argentinos e europeus – trazendo à tona um conjunto de obras que apontava para a disseminação global de uma nova tendência realista nas artes. O título da exposição Opinião 65 revelava o caráter pluralista da mostra e uma vontade de dar voz a uma juventude que assumia, pela primeira vez na história, um papel protagonista à frente dos acontecimentos.

Ao reunir pela primeira vez os artistas do “movimento” que depois ficou conhecido como a nova figuração brasileira, buscava-se nesse retorno da figura uma comunicação direta com o público. Surgia também um novo tipo de participação distinta daquela mais sensorial que vinha do neoconcretismo, assumindo uma entonação mais antropológica e social. Isso acontecia, em parte,como resposta ao fechamento da cena política, mas também em função da contaminação mais aberta das poéticas em relação à cultura popular. A curadoria aproximou esses jovens artistas de algumas de suas principais influências, como Wesley e o argentino Berni, além de figuras protagonistas do concretismo brasileiro em nova fase, como Serpa e Oiticica.

A exposição Opinião 65 está no inconsciente coletivo da história cultural recente. Tentando recontar este capítulo de nossa história para as gerações mais novas, ao mesmo tempo em que homenageamos os curadores e artistas que fizeram parte daquele momento, o MAM-Rio – palco dos acontecimentos – e a Pinakotheke Cultural resolveram juntar seus esforços nesta empreitada. Aqui no MAM, daremos foco aos artistas brasileiros que participaram da exposição, além de mostrar material de arquivo referente à mostra – críticas, iconografia, filmes e entrevistas.

“Opinião 65 – 50 anos depois”
Curadoria de Luiz Camillo Osorio
Abertura: 19 de setembro, das 15h às 18h
Em cartaz até 22 de maio

Museu de Arte Moderna Rio de Janeiro
Av Infante Dom Henrique 85, Parque do Flamengo 20021-140 Rio de Janeiro RJ Brasil.
T +55 (21) 3883 5600
www.mamrio.org.br facebook/museudeartemodernarj
twitter/mam_rio

Horários
ter – sex 12h – 18h | sáb, dom e feriados 12h – 19h
A bilheteria fecha 30 min antes do término do horário de visitação.

Ingressos
Exposições R$12,00 (inclui uma sessão gratuita na cinemateca válida no dia da emissão do ingresso).
Maiores de 60 anos e estudantes maiores de 12 anos R$6,00. Domingos ingresso família até 5 pessoas R$12,00.
Cinemateca R$6,00
Maiores de 60 anos e estudantes maiores de 12 anos R$3,00. GRATUIDADES Amigos do l, crianças até 12 anos e funcionários das empresas mantenedoras e parceiras (mediante apresentação de crachá, com direito a um acompanhante) e quartas após às 15h.

Como chegar Referência: O Museu de Arte Moderna está localizado entre o Monumento aos Pracinhas e o Aeroporto Santos Dumont

Ônibus (linhas e pontos)
Da Zona Sul >> Via Parque do Flamengo: 472 (Leme), 438(Leblon),154 (Ipanema), 401 (Flamengo), 422 (Cosme Velho). Ponto na Avenida Beira Mar em frente à passarela.
Via Aterro: 121, 125 e 127 (Copacabana). Ponto na Avenida Presidente Antônio Carlos em frente ao Consulado da França.
Da Zona Norte >> 422 (Tijuca), 472 (São Cristóvão), 438 (Vila Isabel),401 (Rio Comprido). Ponto na Avenida Presidente Wilson, em frente à Academia Brasileira de Letras.
Da Zona Oeste >> Frescão Taquara-Castelo (via Zona Sul). Ponto mais próximo localiza-se na Avenida Presidente Wilson, em frente à Academia Brasileira de Letras.
Metrô: Estação Cinelândia

Acesso a deficientes Cadeiras de rodas, rampas de acesso até os salões de exposição, elevadores e sanitários especiais.

Estacionamento Pago no local 7h – 22h

Para mais informações acesse http://mamrio.org.br.



Copyright © Instituto Investidor Profissional