Obras de Clara Ianni e Gabriel Mascaro na Itinerância da 31ª Bienal de Artes de São Paulo

(Campinas, SP)

O SESC Campinas recebe até maio diferentes recortes de obras da mostra “Como (…) coisas que não existem”, da 31ª Bienal de São Paulo, apresentados no programa de exposições itinerantes. A partir de diferentes relações entre ideias em torno dos termos “conflito”, “coletividade”, “imaginação” e “transformação”, a curadoria da Bienal selecionou trabalhos de artistas como Clara Ianni e Gabriel Mascaro.

Entre as obras selecionadas para a itinerância em Campinas, destacam-se o vídeo “Apelo”, filmado por Clara Ianni e Débora Maria da Silva no cemitério Dom Bosco, em São Paulo (construído para receber os cadáveres das vítimas da Ditadura Militar); a colagem “It’s Just the Spin of Inner Life”, da polonesa Agnieszka Piksa; “Não é sobre sapatos”, instalação com imagens registradas durante as manifestações de 2013, sob a ótica da polícia; “Open Phone Booth”, da curda Nilbar Güreş, que registra, por meio de fotos e vídeos, as soluções criativas encontradas pelos moradores de Bingöl, no Curdistão turco, para as discriminações sociais geradas pelo governo central; e “A Última Aventura”, pesquisa de fotografia documental em que a artista gaúcha Romy Pocztaruk registra os resquícios do projeto da Rodovia Transamazônica, projeto faraônico arquitetado durante a Ditadura Militar, no governo Médici.



A 31ª Bienal de São Paulo teve 69 participações de 34 países, incluindo artistas, colaborações individuais e colaborações coletivas. Foram apresentados 81 projetos, dos quais 60% foram comissionados para a exposição. Com curadoria de Charles Esche, Pablo Lafuente, Nuria Enguita Mayo, Galit Eilat e Oren Sagiv, a mostra caracterizou-se pelo foco na vida contemporânea e obras que tocaram particularmente aspectos de religião, conflito social, sexualidade, ecologia e identidade. Ao todo, quatorze espaços reúnem 30 obras de artistas nacionais e estrangeiros.

Itinerância 31ª Bienal, com Clara Ianni e Gabriel Mascaro
Curadoria de Charles Esche, Pablo Lafuente, Nuria Enguita Mayo, Galit Eilat e Oren Sagiv
Em cartaz até 7 de junho
Entrada franca

SESC Campinas
Rua Dom José I, 270/333 – Bonfim – Campinas – SP
Funcionamento: ter-sex: 9h30-21h30; sab-dom: 10h-18h
T: (55 19) 3737 1500
email@campinas.sescsp.org.br



O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA